Opúsculo

Em 16.08.2010   Arquivado em Leitura

Os muitos dias sem postar no início do mês me fizeram acumular vários posts sobre filmes e livros que finalmente vou publicar nos próximos dias. E quando o assunto for literatura é sempre bom lembrar da Promoção 1 iPad ou 100 Livros!!

opusculo Opúsculo: A Paródia (Nightlight: a parody)
Autor: The Harvard Lampoon
Gênero: Romance
Ano: 2009
Número de páginas: 142p.
Editora (Br): Novo Século
Tradução: Grace Khawali
Sinopse: “Nesta hilariante paródia do bestseller Crepúsculo, de Stephanie Meyes, a pálida, desajeitada e obcecada por não humanos, Belle Goose não resiste aos encantos do super incomum, misterioso, fogoso e nerd, Edwart Mullen. Belle chega a Switchblade decidida a viver experiências anormais e logo passa a observar estranhos acontecimentos nesta pequena cidade fora do mapa. Edwart salva Belle d euma bola de neve voadora que misteriosamente se derrete em seu corpo. tais eventos bizarros levam-na a uma dramática revelação: Edwart só pode ser um vampiro. mas como ela poderá convencê-lo a mordê-la se ele parecer ter tanto medo de garotas? Como Belle poderá finalmente se transformar em sua noiva eterna?”
Comentários: Eu já li a revista The Harvard Lampoon superficialmente, quando encontrava em bancas e dava uma olhadinha, mas sempre procurei ler paródias das coisas que gostava porque acho muito mais engraçado. E aí veio um livro inteirinho com a sátira de algo que eu detesto e preciso dizer: hilário!! Bate de dez a zero na história original e pela primeira vez na vida eu fiquei feliz pela saga Crepúsculo existir. A Belle é completamente louca, gente, e o Edwart é o tipo de cara que você quer pegar no colo e ficar com ele pra sempre!! O humor é perfeito (assim como a revista, lógico) e até na parte do romance é bonitinho, eles gostam um do outro de verdade. Eu já dei minha opinião sobre o casal Bella e Edward e acho que gostaria mais da saga “original” se o sentimento deles fosse como na paródia.
Quem é fã-cego da série, daqueles que não consegue ver nada de imperfeito e não aceita outras opiniões é melhor nem chegar perto. Mas todas as outras pessoas que já leram Crepúsculo, gostando ou não, vão morrer de tanto rir!!

Lua Nova, Eclipse, Amanhecer: a Saga Crepúsculo

Em 15.09.2009   Arquivado em Leitura

– Quando eu li e assisti “Crepúsculo” ano passado, fiz um post com sinopses, comentários e etc, tudo MUITO ELEGANTEMENTE. Agora, um tempo depois de ter terminado de ler tudo, estou de volta para falar da série no geral, de maneira nada elegante!! Não vou trazer sinopses, não vou esperar filmes e nem nada. Aliás, quero deixar bem claro que isso aqui é uma crítica NEGATIVA, que não recomendo nenhum dos livros da série e aviso para os fãs maníacos, POR FAVOR, voltarem no próximo post.
E lembrando que é uma opinião puramente pessoal, ninguém me mandou fazer esse post ou muito menos me influenciou no que estou prestes a escrever aqui… Não costumo falar do que não gosto, mas é que virou febre mundial e alguém tem que se manifestar. A Poly fez isso uma vez e agora sou eu!!

– Quantas estrelas o mundo dá para a saga Crepúsculo?? Cinco!! Quantas eu dou?? NENHUMA!! Tá, uma, no máximo, só porque virou febrinha. Quando terminei de ler tudo tentei ver um sentido para aquilo tudo, achei três:
1 – é uma história de vampiros;
2 – é uma história de amor;
3 – é uma influência para seu público alvo, ou seja, MENINAS ADOLESCENTES.
E aí parei pra refletir… É uma PÉSSIMA história de vampiros, uma PÉSSIMA história de amor e um PÉSSIMO exemplo para esse público-alvo!! E não falo isso a toa. Aliás, estou me firmando nesse tripé para poder formular meu post!!

More »