Memórias de uma blogueira das antigas…

Em 13.03.2015   Arquivado em Escrevendo

O tema deste post foi um dos propostos como blogagem coletiva desse mês do Rotaroots. Para ficar por dentro dos temas é só entrar no Grupo do Facebook!
O título é uma referência tosquinha ao livro “Memórias de um Sargento de Milícias”. Não ficou bom, mas foi de coração.

"Keep smiling, keep shining...
Madrugadas na internet com a ‘miga do lado: quem nunca?

A primeira vez que li sobre blogs foi numa revista W.I.T.C.H. quando eu ainda nem tinha internet em casa, mas fiquei doida pra ter só pra poder fazer o meu. E assim que instalamos a Click 21 na minha casa em 2003 (melhor internet discada DA VIDA!) foi o que eu fiz: entrei no site da Dakotinha, que tinha um sistema bem facinho de postagens, e criei o meu. Não tinha endereço personalizado nem podia trocar de layout (você escolhia a cor e cada cor tinha um símbolo, o meu era rosa com estrelinhas), mas eu passava o fim de semana copiando e colando imagens fofas nele: sábado a partir das 14h, domingo o dia todo, nas férias em dia de semana da meia noite às 6h. Textos que é bom quase nada.

Aí descobri outros “universos” como Weblogger (o Sweet Luly nasceu lá!), Blogger Brasil (o Sweet Luly passou por lá também!), Blig, Zip.Net, Blogspot… Tive incontáveis blogs: particulares, comunitários, fã clubes, “condomínios de blogueiros”, mini sites, tudo o que se pode imaginar. Eles a princípio eram um “local para postar imagens bonitinhas” ou “desculpa pra usar um template legal de algum template shop qualquer”, mas aos poucos eu fui lembrando o quanto escrever é bom e foi quando nasceu o Sweet Luly: o diarinho virtual da garotinha de 14 anos de escrevia “aki”, “vc”, “BjUuU”, entre outros. De início era bem dia a dia, mas com o passar dos tempos a coisa mudou e hoje não consigo achar outras palavras pra descrever: isso aqui é um BLOG, com todas as letras da palavra, abordando os vários sentidos que a mesma pode ter. E depois de 12 anos blogando (quase 11 deles já nesse mesmo blog aqui) eu não consigo mais ficar sem isso.

Porém, desde que o “boom” dos blogs aconteceu eu escuto a opinião das pessoas e da mídia super dividida em relação ao assunto. Quando eu estava no primeiro ano, em 2005, estávamos estudando sobre o diário e o blog e tive colegas de sala na escola que disseram “ninguém mais tem blog, flog é que é legal” e fiquei danada da vida, levantei a mão pra falar (coisa que eu quase nunca fazia) e desatei a dar minha opinião positiva, deixando claro que eu tinha e amava. É louco porque até hoje é assim, enquanto alguns dizem que os blogs são o futuro e que não vão parar de crescer, tem aqueles que acham que já é passado, que acabou, que perdeu seu sentido.

E agora eu pergunto a você, caro leitor (ficou formal isso, dexa eu reformular: querido leitor!): por que VOCÊ ainda não parou de blogar? Foi por dinheiro? Foi pra “botar tudo pra fora”? Foi por vontade de escrever, de melhorar algo, de não desistir? Seja qual for o motivo tenho certeza que é porque você decidiu assim, e pra mim não tem motivo mais válido do que isso.
O meu motivo (além de adorar isso tudo) é que gosto de escrever, eu continuaria escrevendo aqui mesmo que fosse para ninguém ler, gosto tanto que gosto até de ler o que outra pessoa escreveu. E enquanto eu tiver ideias na cabeça e capacidade de expressá-las com palavras eu digo que, por mim, VAI TER BLOG SIM! Vai ter blog sempre, e vai ter blog por causa do motivo escolhido por quem quer que seja que continue na blogosfera. Porque os motivos são muitos, mas todos os blogueiros que conheço têm um em especial em comum: AMOR!

5 coisas que eu faço quando ninguém está olhando

Em 25.01.2015   Arquivado em Memes e Tags

O tema desse post foi um dos memes propostos esse mês do Rotaroots. Para ficar por dentro dos temas é só entrar no Grupo do Facebook!

E olha eu aqui sem nem um tipo de vergonha na cara – como se eu soubesse o que é isso – contando meus segredos mais secretos (liiiteralmente) com um dos temas de meme desse mês… Hoje vocês vão descobrir cinco entre as coisas que eu faço quando ninguém está olhando e eu espero que alguém se identifique porque quero me sentir um pouco menos louca do que sei que sou!

01 – Falo sozinha

As vezes alguém vem me falar “Olha aquela pessoa louca falando sozinha!” e eu nunca dou risada porque faço isso super. Falo sozinha comigo mesma, falo sozinha com alguém que não existe e nunca responde e o principal: ensaio todos os diálogos que vou ou não ter com as pessoas, já imaginando as possíveis respostas dessa pessoa para ensaiar minhas reações para essas respostas. Lógico que só coloco isso em prática em 10% das vezes, mas continuo com isso mesmo assim.
(Esses diálogos incluem “como irei me apresentar e pedir uma foto no dia em que encontrar na rua com pessoas como J.K. Rowling, Elton John, Samuel L. Jackson, etc…”)

332/365 - Sou a Kimberly e estou no MBB 2010

02 – Canto performaticamente

Como se estivesse em cima de um palco no Madison Square Garden. Canto dobrando os joelhos em momentos de total intensidade, apontando pra platéia amada constituída de ninguém quando estou querendo me referir diretamente a eles e olhando para o foco de luz cor-de-rosa e imaginário que está direcionado em mim naquele clímax emotivo que exige uma cara de dor. Sério, nasci pra ser estrela.
Ah, isso sem contar quando faço duetos com Elton John que tá sempre no piano aí do meu lado, sorrindo pra mim e sendo meu melhor amigo.

03 – Testo maquiagens

O grande problema de testar maquiagens quando não usarei pra valer é que fica LINDO e dá dó de tirar, aí vou reproduzir quando vou sair e… FICA UMA TITICA! Tudo muito frustrante…
Mas de qualquer forma foi assim que eu aprendi a me maquiar a uns 8 anos atrás, então vale a pena!

04 – Danço loucamente

Meio que uma extensão um pouco mais ousada e perigosa do número 02, né, porque minha voz horrenda cantando só eu vou ouvir e não vai chegar a machucar ninguém, mas definitivamente não estou em forma o suficiente para certas manobras que já cogitei em testar e logicamente desisti.

05 – Faço pesquisas que COM CERTEZA serão deletadas do histórico!

Não sei se deveria colocar exemplos aqui, mas são coisas do tipo “árvore genealógica da família Kardashian”, “qual a altura do Logan Lerman” e besteirinhas ou besteironas do tipo!

As 5 comunidades que eu criaria no Orkut

Em 17.09.2014   Arquivado em Memes e Tags

O tema desse post foi um dos memes propostos esse mês para a Blogagem Coletiva do Rotaroots. Para ficar por dentro dos temas é só entrar no Grupo do Facebook!

E em setembro nós nos despedimos oficialmente do nosso tão querido Orkut, esse rede social que eu mal conheço mas já considero pacas (ok, não resisti!)… Digo “oficialmente” porque nos últimos anos a maioria já estava bem afastadinha dele e eu também, por mais que entrasse lá de vez em quando pra saber o que tava rolando ou não, atualizar minha foto de perfil e comunidades. Eu não queria deixar de fazer um post celebrando a vida do querido Orkut, então essa BC veio na hora certa e é hora de vocês saberem as 5 comunidades que eu criaria no Orkut hoje em dia!

5COmunidadesOrkut

Elle Woods para presidente dos EUA!

(Na verdade eu cheguei a criar essa comunidade a muitos anos no meu Perfil de Moderadora, para vê-la é só clicar AQUI!)
Para que precisamos de homens corruptos, de pessoas que não se importam mesmo com a população?? Cada eleição é a mesma coisa, não muda nunca?? Mas pode mudar…
Precisamos de Elle Woods no comando dos Estados Unidos da América… Só ela para mudar realmente o futuro da nação e, quem sabe, do mundo! Votem na Elle!!

Metalinguagens da Turma da Mônica Jovem

(Em homenagem ao meu mais novo vício que é a TMJ.)
Diálogos com os roteiristas e desenhistas sempre foram fortes nas histórias de Maurício de Souza, mas nas revistinhas da Turma da Mônica Jovem (e também do Chico Bento Moço) isso já não é nem surpresa: acontece sempre, quase toda edição e, cá entre nós, a gente adora e é o que torna o mangá da turma mais amada do Brasil único!

Queremos um filme dos Karas!

(Eu acho que ela até existia, pra falar a verdade, mas eu criaria mesmo assim.)
Com o lançamento do sexto e muitíssimo esperado livro da série “Os Karas”, do Pedro Bandeira, a nostalgia dos fãs que essa turma arrecadou ao longo das suas décadas chegou em seu nível máximo: estamos todos relendo e re-conhecendo Miguel, Crânio, Calú, Magrí e Chumbinho… E se até o novo livro que a gente não tinha esperanças de ver tá aí, publicado e bombando, já não passou da hora de ver esses 5 heróis e seu fiel amigo Detetive Andrade no cinema? E como já!
Queremos um filme dos Karas pra já, pra ontem, e um só não: queremos todos!

Mi casa, su casa; mi WiFi, su WiFi…

Intimidade para você é chegar na casa do amigo e:
[_] Tirar os sapatos;
[_] Abrir a geladeira;
[X] A WiFi conectar automaticamente.
A gente só se sente em casa mesmo quando a senha é compartilhada e o sinalzinho aparece completo no celular!

Potter Club BH

Não lembro se existia a comunidade do Potter Club na época que o Orkut ainda bombava, mas se existia provavelmente não era uma comunidade séria pro porte que o fã clube tem hoje, então acho que eu teria uma bonitinha, arrumadinha e bem feita!

Blog Day 2014

Em 31.08.2014   Arquivado em Blog

Ano passado, para a alegria geral da galera, o Blog Day “ressurgiu” das cinzas aqui no Brasil pronto para ser comemorado anualmente por todos os apaixonados por blogs, o que eu AMEI porque nunca deixei de comemorar (Quer dizer… Pulei 2012 por motivos de TCC, mals aê!), mas que é muito melhor quando celebrada em grupo. Originalmente a data foi definida pois 31/08 forma a palavra “Blog”, existia até o site oficial, que infelizmente fechou, e era um dia em que o blogueiro indicava seus 5 blogs favoritos. Agora o RotaRoots deu um novo sentido para esse dia especial que pode ser vista no hotsite e ao invés de indicar 5 blogs simplesmente serão 15: 5 em cada categoria proposta!

5 blogs que não saem do meu Feed:

(Aqui eu peço desculpas aos outros mil blogs que visito sempre e adoro muito, infelizmente tive que escolher só 5, mas queria colocar era todos vocês!)
Niina Secrets – http://niinasecrets.com.br
PolyPop – http://polypo.net/
Borboletando – http://borboletando.org/
Corverina – http://corverina.blogspot.com.br/
Mulher Vitrola – http://mulhervitrola.com.br/

5 blogs que eu conheci no Rotaroots:

(Eu não sei muito bem quais conheci quando e onde pois comecei a frequentar muitos grupos de blogueiros ao mesmo tempo na mesma época, mas esses tenho certeza!)
Cansei de Ser Nerd – http://canseidesernerd.com/
Avec Mes Louboutin – http://avecmeslouboutin.com/
Camila Tuan – http://camilatuan.blogspot.com.br/
Dreams – http://starmoonland.com/thay/
Atena x Afrodite – http://atenaxafrodite.blogspot.com.br

5 blogs para sair da rotina:

(Essa lista é difícil porque geralmente frequento blogs sobre o que me interessa mesmo e tento postar sobre tudo isso no meu, mas esses aí valem a pena!)
Angeliica (para mamães) – http://angeliica.com/
Jana Pupo (+18) – http://janainapupo.com.br/
MHÁvila Blog (tecnologia) – http://blog.mhavila.com.br
Taciele Alcolea (moda e comportamento) – http://tacielealcolea.com/
Marcos Guima (variados) – http://marcos-guima.blogspot.com.br/

Categoria especial da Luly: 5 blogs de pessoas que não se chamam Antônio:

(Além do Corverina que já indiquei lá em cima!)
Parreira do Gil – http://parreiradogil.blogspot.com.br/
Máquina de Escrever – http://augustoalvarenga.blogspot.com.br/
Eu Conto Depois – http://www.eucontodepois.blogspot.com.br/
A Estante dos Gêmeos – http://aestantedosgemeos.blogspot.com.br/
Meio velha, meio louco – http://meiovelhameiolouco.blogspot.com.br/

Top 5: Personagens cuja vida eu gostaria de viver (17/52)

Em 26.04.2014   Arquivado em Memes e Tags

Essa é a décima sétima semana do Desafio 52 Semanas de Top 5 e o tema da vez é: Personagens cuja vida eu gostaria de viver por um dia: (filmes, livros, seriados, etc). Ao mesmo tempo o meme escolhido desse mês do Rotaroots foi 5 personagens que marcaram minha vida o que juntou a fome com a vontade de comer e eis minha lista de quais são as 5 personagens que eu gostaria de ser por um dia ou pela vida toda e que me marcaram cada uma do seu jeito!

Semana 17/52

01) Hermione Granger, da série Harry Potter (Livros/J.K. Rowling)

Acho que a Mione foi a personagem que eu mais vi nessa blogagem coletiva, ela tava sempre lá. Mas era de se esperar, né? Ela estuda em Hogwarts,, tem dois melhores amigos incríveis (e se casa com o mais incrível deles mais tarde), é inteligente, esforçada, esperta, corajosa e sensível, é provavelmente a pessoa mais boa na série Harry Potter e é também minha personagem fictícia favorita. Eu poderia fazer todo um depoimento sobre o quão ela foi importante para que eu aceitasse a pessoa que eu era quando a conheci e também uns anos mais tarde, mas isso seria assunto suficiente para um post inteiro e não cabe aqui. O que importa é que se eu tivesse que escolher alguém para ser nessa vida seria Hermione Jean Granger (Weasley), sempre!
E sim, eu coloquei somente os livros lá em cima. Não gosto da Emma Watson, acho ela ruim de serviço e acho que ela não retratou a Mione como deveria. A prova disso é que as pessoas que somente assistiram aos filmes não fazem ideia de como a personagem realmente é, acham que ela é a heroína inteligente amiga do Harry, e limitar a Hermione a isso é um insulto a alguém tão completo e incrível!

02) Jane Bennet, de Orgulho e Preconceito (Livro/Jane Austen e filme)

Eu seeeei que todo mundo queria ser a Elizabeth e que todo mundo queria um Darcy mas, fazer o que, eu nunca me apaixono pelo herói, prefiro o amigo atrapalhado e alegre dele, sempre! Mas não é só por causa do Bingley que eu queria ser a Jane (apesar de esse ser motivo suficiente), mas também pelo fato de que me identifiquei com ela desde a primeira vez que vi o filme e também quando minha irmã leu o livro pra mim. Não vou ousar dizer que sou TÃO linda, gentil e incrível quanto a Jane, mas talvez uma versão dela no século XXI e um pouquinho “menos melhor” com certeza. É fantástico ver como ela e a Lizzie se parecem em tanto aspectos comigo e com minha irmã, principalmente no relacionamento maravilhoso que elas têm. Enfim, eu seria Jane com certeza!

03) Kim Possible, de Kim Possible (Desenho animado/Disney Channel)

Eu não queria colocar a Kim porque me pareceu estranho ter um personagem de desenho animado na lista, mas percebi que a ela PRECISAVA estar aqui, não podia faltar. Ela é linda, inteligente, cheerleader, combate o crime, tem um Kimmunicador (cujo toque é meu toque de SMS) eeee tem o Ron que é um dos personagens mais fofos que a Disney já criou. Aliás qual é meu problema com Rons que são os melhores amigos da moça, têm um roedor de estimação e acabam sendo o amor da vida delas no final, hein? Não tem como não amá-los!
E um plus sobre a KP é que o nome dela é Kimberly Ann, que é o nome mais lindo do mundo e a prova disso está na minha Kimberly Ann, minha primeira e mais amada Pullip que é tão importante pra mim que tá aí no topo do blog, me representando, para todo o sempre!

04) Cher, de “As Patricinhas de Beverly Hills (Filme)

Esse lugar deveria ter sido ocupado por Elle Woods, mas eu percebi que não queria ser a Elle no fim das contas porque ela foi completamente destruída em “Legalmente Loira 2”. Como não existe um “Patricinhas de Bh 2” pra destruir a Cher ela entrou! Queria super o guarda-roupas dela e o programa de computador que ajuda a escolher o que vestir toda manhã, além de ser mega rica e morar num casarão com um pai legal e um “meio meio” irmão fofo e namorável. Mas tem algo mais na Cher que eu gosto muito e que até se parece comigo em certos aspectos que é a necessidade que ela tem de ajudar as pessoas em diversos níveis, o prazer em fazer isso seja mudando a cor do cabelo da nova amiga ou ajudando numa campanha de arrecadação da escola e ela merece tanto crédito por isso quanto pelas roupas incríveis e canetas de pom-pom!

05) Sonny Munroe, de Sunny Entre Estrela (Seriado/Disney Channel)

Eu fico CHATEADÍSSIMA que a Demi tenha saído do programa e a série tenha acabado com a Sonny e o Chad terminados, principalmente porque ela sempre terminava com ele elos motivos mais idiotas do mundo e não se desperdiça um Chad nem por motivos bons, que dirá por ruins!
Sem contar que ela é divertidíssima, mega engraçada e faz um programa de humor teen na tv que é beeem ruim, mas que a faz ser incrivelmente feliz, tem como não querer isso?

Pra quem quiser saber os temas das blogagens coletivas e memes do Rotaroots é só entrar no Grupo do Facebook!

Página 8 de 9123456789