Caça-Fantasmas

Em 02.08.2016   Arquivado em Filmes

Caça-Fantasmas, via Filmow

Caça-Fantasmas (Ghostbusters) *****
Elenco: Melissa McCarthy, Kristen Wiig, Kate McKinnon, Leslie Jones, Chris Hemsworth, Neil Casey, Charles Dance, Michael Kenneth Williams, Bill Murray, Dan Aykroyd, Ernie Hudson, Annie Potts, Cecily Strong, Ed Begley, Karan Soni, Matt Walsh, Ozzy Osbourne, Shawn Contois, Sigourney Weaver, Steve Bannos, Toby Huss, Zach Woods Tour Guide
Direção: Paul Feig
Gênero: Ação, Comédia, Ficção Científica
Duração: 116 min
Ano: 2016
Sinopse: “Atualmente uma respeitada professora da Universidade de Columbia, Erin Gilbert escreveu anos atrás um livro sobre a existência de fantasmas em parceria com a colega Abby Yates. A obra, que nunca foi levada a sério, é descoberta por seus pares acadêmicos e Erin perde o emprego. Quando Patty Tolan, funcionária do metrô de Nova York, presencia estranhos eventos no subterrâneo, Erin, Abby e Jillian Holtzmann se unem e partem para a ação pela salvação da cidade e do mundo.” (fonte – sinopse e pôster)

Comentários: Antes de começar entrar no filme em si eu preciso falar um pouquinho de “Os Caça-Fantasmas”, o original: não, eu NUNCA assisti. Soltei essa informação na internet inclusive e o que mais tive foi gente falando que é uma “falha” minha, etc e etc, mas a verdade é essa. Até tenho vontade de ver um dia porque gosto desse tipo de coisa, mas também não me faz falta nenhuma, então vamos prosseguir com a vida assim mesmo, sem problemas e tudo mais. Sendo assim é ÓBVIO que não poderei dar uma opinião comparativa, mas posso dizer que se aqueles caras tinham 10% do carisma dessas meninas o sucesso tá explicado, porque elas foram absolutamente MARAVILHOSAS! Desde que foi anunciado eu tava doida pra assistir e, oh, não me decepcionei!

Erin Gilbert acaba de conseguir ser professora da cadeira que tanto desejava na Universidade, até que descobre que sua ex colega Abby Yates publicou um estudo das duas sobre a existência de fantasmas, que anos antes foi motivo de chacota por elas não terem conseguido provar nada. Ela decide ir então atrás da antiga parceira para reverter isso, com medo que prejudique sua carreira, e descobre que ela continua seus estudos ao lado da engenheira Jillian. Ao mesmo tempo começam a acontecer VÁRIAS coisas estranhas pela cidade afora, inclusive no metrô onde Patty Tolan trabalha, e pequenas (e péssimas) reviravoltas na vida dessas quatro mulheres fazem com que elas acabem se unindo para descobrir o que tem causado tudo isso e, enfim, provar que fantasmas existem e podem causar muitos problemas para os cidadãos de Nova York.

O filme já começa acertando DEMAIS com a escolha das atrizes que interpretaram os personagens principais: são quatro meninas tão maravilhosas que ainda não consegui decidir minha favorita, e olha que eu babo muito o ovo da Melissa McCarthy, hein! Cada uma tem seu modo de ser maluca, sabe, é bem aquele tipo de gente vida real que parece normal à primeira vista, mas quando você vai conhecendo percebe que a loucura particular é a melhor parte da sua personalidade, só que levemente mais escrachado pra causar mais risadas. A única coisa que achei meio “mais ou menos” foi o vilão, que é bem bostinha sem força nenhuma, mas acho que esse era o objetivo mesmo, e como eu sou sempre fã do lado do bem e detesto a supervalorização do mal simplesmente adorei! Fora isso a história foi super legal e bem trabalhada, mas sem ser difícil de entender (eu sofro desse mal às vezes), a gente ri o tempo todo e, claro, rolaram homenagens LINDAS ao filme original, com a presença de referências claras, dos fantasmas antigos e de parte do elenco que apareceu bem “picadinho” sem forçar a barra e arrancava um “Aaaaawn” de alegria em que quem tava assistindo. É o tipo de “nova versão” ideal, que respeita o passado e abraça o futuro, mal posso esperar pela parte 2!

Vi muita gente (na verdade: muito homem) reclamando do Kevin, secretário gostosão porém idiota delas interpretado pelo maravilhoso do Chris Hemsworth, mas essas pessoas não conseguem perceber a genialidade da crítica que temos aí causada por anos e anos de garotas burras que só serviam para sensualizar que temos na história das comédias, o objetivo não era seguir o esteriótipo e sim esfregá-lo na cara das pessoas e mostrar o quanto aquilo é incômodo para quem não consegue se ver representado ali. E vemos claramente a necessidade disso quando voltamos pra época em que o filme foi anunciado e depois quando saíram os trailers, onde uma chuva de comentários negativos do tipo “não sou preconceituoso, mas…” mostraram o quanto o público “geek” é machista e misógino, incapaz de aceitar mulheres protagonizando suas histórias, além de ser também racista, né… É só ver o que Leslie Jones teve que suportar no Twitter nos últimos dias, sendo atacada e chamada de “macaca”, para perceber que NÃO é frescura, NÃO é vitimismo. Muito pelo contrário: é pra abrir os olhos pra isso e parar de aceitar discurso de ódio como piada já!

Trailer:

BEDA2016

Meu Malvado Favorito

Em 21.08.2010   Arquivado em Filmes

malvadofavorito Meu Malvado Favorito (Despicable Me)
Elenco (vozes): Steve Carell, Jason Segel, Russell Brand, Julie Andrews, Will Arnett, Kristen Wiig, Miranda Cosgrove, Dana Gaier, Elsie Fisher, Pierre Coffin, Chris Renaud, Jemaine Clement
Direção: Pierre Coffin / Chris Renaud
Gênero: Animação
Duração: 92 min
Ano: 2010
Sinopse: “Gru é o maior vilão do momento, mas tem seu posto abalado pelo novato Vetor. Para recuperar o topo, ele planeja roubar a Lua, auxiliado pelas criaturas Minion. O problema é que três meninas órfãs veem nele a figura de um pai. Diante disso, Gru fica dividido entre roubar a Lua e abandonar as pequenas ou ficar com elas e desistir dos seus planos.”
Comentários: Posso dizer sem chaces de ser injusta: é o melhor filme do ano!! Bom, pelo menos até agora… Foi a primeira vez que me arrependi de não ter assistido um filme em 3D e se der eu vou denovo, juro que vou!! Filme criativo, com personagens carismáticas e diferentes, HILÁRIO e cheio de momentos que dão pra entrar pra sempre na história do cinema.
E o melhor é que indo com minhas companias favoritas (Daninha, Dri e Lili) eu posso rir mais ainda e rolam comentários durante o filme. Tipo, comassim o Vector é a versão em animação do Howard (The Big bang Theory)?? E como a Daninha tem o humor e a paciência 0 igual à do Gru!! E Lili definitivamente é Edith, Dri definitivamente é Margo e, bem… Eu SOU a Agnes!! Ela é tão fofa, tão fofa… Que eu vou morreeeeeeeeeer!!
Sem contar assistir ao filme sem querer o Minion é humanamente impossível. Inclusive o cinema do Pátio tava todo decorado, eles tavam por todas as partes: no Caixa, em versão joão-bobo e no Atendimento ao Cliente. E, claro, as rainhas do mico tiveram que aproveitar, hahaha

Meu Malvado Favorito - Pátio Savassi @ Saturday Meu Malvado Favorito - Pátio Savassi @ Saturday
Meu Malvado Favorito - Pátio Savassi @ Saturday Meu Malvado Favorito - Pátio Savassi @ Saturday