Top 5 Charges: Tony Blair

Em 31.10.2010   Arquivado em Cotidiano

– Eu sinto falta de postar Top 5 Charges, mas é que dá muuuuuuuito trabalho decidir o tema, assistir uma por uma, selecionar, colocar na ordem, blá-blá-blá. Mas esse foi rápido e hoje veremos o que Maurício Ricardo tem a dizer sobre Tony Blair, que tem um dos sotaques mais lindos que já ouvi… E atitudes nem tanto. Tem muito mais Charges antigas, mas não faz mal, é bom mesmo assim. Depois vou fazer um do Bush, vai dar trabalho, vou ter que dividir em vários posts, mas vai valer a pena.

Brasil – The book is on the table – 07/03/2003

Gente, essa é definitivamente a melhor, posso assistir quinhentas vezes e vou continuar gostando pra sempre!!

More »

Ser feliz é ser quem você é…

Em 17.10.2010   Arquivado em Cotidiano

– Então… Eu vi no Just Lia falando sobre o vídeo fantástico da Nextel com Fábio Assunção no papel de Dr. Saulo, assisti e ri, mas até então a graça era pouca até que a Beca me escolheu como a Atriz do vídeo dela e aí empolguei e fiz o meu também!! Foi difícil escolher quem seria a única menina do meu vídeo, porque as vezes escolhendo uma é injusto por não ter escolhido a outra, mas no final tudo ficou hilário, hahaha.

videonextel

– E a graça do filme não é só ver as outras pessoas e sim fazer o seu e preencher TODAS AS 3 ETAPAS porque cada vez que você assiste ao SEU vídeo fica mais engraçado do que ver o das outras pessoa porque tem uma surpresiinha no final!! Pra fazer o seu clica aqui (tem que ter conta no Facebook, todo mundo tem!!), e não deixem de assistir o meu e o da Beca!!

Os Vampiros que se Mordam

Em 03.10.2010   Arquivado em Filmes

Ontem fui ao cinema e assisti dois filmes. Um MUITO bom e triste (do qual falo depois) e o outro assim… Ruinzinho, porém engraçadíssimo. E é sobre ele que quero escrever hoje.

vampsuck Os Vampiros que se Mordam (Vampires Suck)
Elenco: Jenn Proske, Matt Lanter, Diedrich Bader, Chris Riggi, Ken Jeong, Anneliese van der Pol, Mike Mayhall, Rett Terrell, Stephanie Fischer, Nick Eversman, Zane Holtz, Crista Flanagan, Jeff Witzke, Jun Hee Lee, Michael Hanson, Kelsey Ford, Parker Dash, Leo Fabian
Direção: Jason Friedberg/Aaron Seltzer
Gênero: Comédia
Duração: 82 min
Ano: 2010
Sinopse: “Os Vampiros que se Mordam é uma sátira aos filmes que abordam a angústia e a vida amorosa dos adolescentes no mundo contemporâneo. Becca, adolescente ansiosa que não é vampira, está indecisa entre dois garotos. Antes que consiga escolher, ela precisa dar um jeito no pai controlador, que a faz passar vergonha tratando-a como criança. Enquanto isso, os amigos de Becca se veem às voltas com seus dilemas amorosos -, e tudo vem à tona na festa de formatura da escola”
Comentários: Depois do brilhante Opúsculo, foi a hora de eu morrer de rir com outra sátira da série de vampiros que menos gostei de todos os tempos. O filme é dos mesmo produtores de “Todo Mundo em Pânico” e é bem naquele estilo: escolheram uma história para parodiar e colocaram algumas outras no meio pra dar graça. Buffy, Alice, Gossip Girl… Todas elas estão ali. Poré, os protagonistas mesmo são Bella, oops, digo, Becca e seus dois amores não humanos: Edward e Jacob. E aí começa uma sátira incrível que mistura Crepúsculo e Lua Nova, com atuação PERFEITA por parte dos atores, todas as caretas são milimetricamente bem feita, assim como modo de falar super falso e arrumação compulsiva do cabelo.
Não quero revelar muito sobre o roteiro e tudo mais, mas se você é fã legal ou não-fã legal da saga vá assistir, nem que seja em dias de cinema barato pra não ter sensação de ter jogado dinheiro fora. E, POR FAVOR, ame a cena em que Jacob chama sua alcatéia para ajuda-lo porque é a mais legal, bem feita e hilária de todo o filme!!

Opúsculo

Em 16.08.2010   Arquivado em Leitura

Os muitos dias sem postar no início do mês me fizeram acumular vários posts sobre filmes e livros que finalmente vou publicar nos próximos dias. E quando o assunto for literatura é sempre bom lembrar da Promoção 1 iPad ou 100 Livros!!

opusculo Opúsculo: A Paródia (Nightlight: a parody)
Autor: The Harvard Lampoon
Gênero: Romance
Ano: 2009
Número de páginas: 142p.
Editora (Br): Novo Século
Tradução: Grace Khawali
Sinopse: “Nesta hilariante paródia do bestseller Crepúsculo, de Stephanie Meyes, a pálida, desajeitada e obcecada por não humanos, Belle Goose não resiste aos encantos do super incomum, misterioso, fogoso e nerd, Edwart Mullen. Belle chega a Switchblade decidida a viver experiências anormais e logo passa a observar estranhos acontecimentos nesta pequena cidade fora do mapa. Edwart salva Belle d euma bola de neve voadora que misteriosamente se derrete em seu corpo. tais eventos bizarros levam-na a uma dramática revelação: Edwart só pode ser um vampiro. mas como ela poderá convencê-lo a mordê-la se ele parecer ter tanto medo de garotas? Como Belle poderá finalmente se transformar em sua noiva eterna?”
Comentários: Eu já li a revista The Harvard Lampoon superficialmente, quando encontrava em bancas e dava uma olhadinha, mas sempre procurei ler paródias das coisas que gostava porque acho muito mais engraçado. E aí veio um livro inteirinho com a sátira de algo que eu detesto e preciso dizer: hilário!! Bate de dez a zero na história original e pela primeira vez na vida eu fiquei feliz pela saga Crepúsculo existir. A Belle é completamente louca, gente, e o Edwart é o tipo de cara que você quer pegar no colo e ficar com ele pra sempre!! O humor é perfeito (assim como a revista, lógico) e até na parte do romance é bonitinho, eles gostam um do outro de verdade. Eu já dei minha opinião sobre o casal Bella e Edward e acho que gostaria mais da saga “original” se o sentimento deles fosse como na paródia.
Quem é fã-cego da série, daqueles que não consegue ver nada de imperfeito e não aceita outras opiniões é melhor nem chegar perto. Mas todas as outras pessoas que já leram Crepúsculo, gostando ou não, vão morrer de tanto rir!!

Página 2 de 41234