Lookbook: Have you seen this witch?

Em 19.09.2015   Arquivado em Harry Potter, Moda

Duas semanas atrás rolou aqui em BH, no Mercado das Borboletas, a festa @bsurda em Hogwarts, uma boate temática de Harry Potter para comemorar a “volta às aulas” por lá. Eu não pude deixar de ir não só pela temática, mas também porque ganhei ingresso tanto pelo Potter Club quanto pela Cia do Ponto (que teve um estande lá), e como foi a primeira vez na vida que fui em uma festa assim eu tinha que ir toda bonitinha pra comemorar.
E, modéstia à parte, eu estava parecendo uma boneca! Não só pelo vestido (lindo) da Daninha que ela me emprestou depois de eu muito pedir, mas também porque foi quando usei a maquiagem mais bem feita por mim mesma da minha vida, com cílios postiços que nunca uso e tudo mais, além de ter conseguido fazer um “topete” descente com muito custo, que infelizmente não durou tanto e caiu todo na festa, hahaha. Sério, queria ter fotos que provem isso de verdade, mas chegando lá a luz era obviamente horrível e o celular do Gil foi o único que deu conta de bater alguma mais ou menos descente, ainda assim só “mais ou menos” mesmo. Peguei as menos piores e até dá pra ver e tal, mas queria ter registros reais, vai ter que ficar só na memória mesmo… O caimento do vestido na “vida real” é que nem na primeira foto, mas a segunda está com a qualidade bem melhor, então vai as duas!
Nem dá pra ver que eu estava de batom, mas era o Rosali (líquido) da Quem disse, Berenice? que peguei emprestado com a Mari. Eu não gosto de batom claro e teria achado tudo mil vezes melhor se tivesse com um vermelhão, mas uma vez na vida não mata, né?

Descrição das peças no Lookbook!

A festa em si foi mega divertida! Eles não conseguiram fazer tudo o que tinha divulgado (tipo Cerveja Amanteigada, que eles entraram em contato comigo meio em cima da hora e nem deu pra negociar, por exemplo), mas deu pra ver o esforço em conseguir uma decoração e interação que agradasse aos fãs. Logicamente o tema era só uma desculpa, o objetivo era ser uma boate como outra qualquer promovida por eles, mas ainda assim gostei, queria ter tido menos sono e aproveitado mais porque tinham duas pistas diferentes e muita gente legal, quero outra já!!

Rapidinhas de Agosto

Em 07.09.2013   Arquivado em Cotidiano

Gente, desde quando agosto passa tão devagar assim?? Num é julho que demora e aí vem agosto e passa rapidinho, num sempre foi assim?? Mas não, esse mês foi GIGANTE! Aconteceu tanta coisa, comigo e (principalmente) com as pessoas ao meu redor que eu fui ficando chocada. Mas agora passou e o ano vai começar a acabar e onde foi parar 2013, me digam por favor.
Esse mês eu percebi que não tirei fotos que prestem para representar os acontecimentos e que quase todas eram fotos mais ou menos feitas pro Instagram. Então só dessa vez eu irei coloca-las aqui ao invés de colocar as com a bordinha do blog e qualidade boa. Quem tiver Instagram me segue lá: sweetluly90 =D
Em setembro as rapidinhas voltam ao normal.

Rapidinhas de Agosto

Essa foto foi a escolhida, entre tantas, para representar meus dias na casa da Poly porque foi tirada pela própria Poly e postada no Instagram dela – aí eu roubei e postei no meu, hahahaha. Isso aí sou eu mineira feliz na praia no último dia, hoooras antes de ir embora. Pra quem não leu: eu fui pra festa de aniversário dela e fiquei por lá 3 dias, contei tudo aqui!

Rapidinhas de Agosto

Quando eu cheguei em casa vi uma mensagem da Lili falando que os ingressos do Disney Live estavam sendo vendidos, então logo no dia seguinte fomos nós duas comprar os nossos (e o da Daninha, claro). Acho que já tinham 2 meses desde que começamos a ouvir sobre esse assunto, a gente não podia perder, né? O show vai ser agora em setembro e eu conto tuuudo para vocês depois, mas já tô preparando as lagriminhas porque deve ser lindo e ficaremos pertiiinho do palco!

Rapidinhas de Agosto

Eu não disse que meu sorriso fotográfico é medonho?? E é mesmo! Mas a foto é pra mostrar minha nova Skin da iStick!! Eu entrei no site pra dar uma olhada se tinha voltado a skin da bandeira do Reino Unido e quando vejo elas tavam baaaratainhas pro Nokia C3, e como meu telefone tava horroroso decidi que era hora de renovar. Eu obviamente gosto mais da antiga, mas essa ficou mais bonita, admito. Toda hora que alguém me via com ela no Salão do Livro Infantil (próximo assunto..) me perguntava de onde era!!
Parace que eles tão é parando de produzir skins pra esse telefone porque além da oferta agora só tem um modelo por lá, pedi essa gracinha na hora certa.

Rapidinhas de Agosto

Ok, vamos lá: Salão do Livro Infantil e Juvenil de Minas Gerais!! Sobre o salão no geral eu nem posso falar muita coisa (só sei que tinha que procurar bastante pra achar preços bacanas, mas até que achava) porque eu fui especificamente para a sessão de autógrafos da Paula Pimenta. Eu não pude ir no último lançamento dela e ganhei os dois primeiros “Fazendo Meu Filme” da Lili de aniversário, e como poderia autografar dois livros por vez, lá fomos nós duas (ela também levou esses dois)! O bate-papo foi bem mais do mesmo, as meninas sempre perguntam as mesmas coisas, e como pegamos senha cedo nem precisamos esperar muito pelo autógrafo, felizmente. A Paula nos recebeu bem como sempre e deu autógrafos diferentes pra cada livro. O do FMF 1 foi “Adorei te ver de novo”, fofo, né??
Os bottons e os esmaltes eram alguns dos brindes que tavam rolando no estande da Gutemberg dependendo de quais e quantos livros a pessoa comprava. Lá tinham também MUITOS marcadores legais, fizemos a festa!!

Rapidinhas de Agosto

E agosto é o novo mês das noivas, pessoal! Dia 17 foi o casamento mega esperado da Mari e do Vinícius, nossos queridos da Cia do Ponto, e lá fomos nós. Ai, gente, quando ouvi a marcha nupcial já comecei a chorar antes de ver a Mari entrando, quando ela apareceu então eu estava fora de controle já. Nós entramos na igreja cedinho para poder sentar lá na frente, mas não couberam os padrinhos nos bancos reservados e então tivemos que ir lá pra trás, ou seja: fomos os primeiros que ela viu quando entrou!! Eu tava chorando tanto que ela falou “para com isso que eu choro também”, hahahahaha!
A cerimônia foi linda, meeega emocionante, como padre Fernando que eu já conhecia e adoro. E no final, nos cumprimentos, o Vinícius tava MEGA emocionado chorando também.
Depois fomos pra feeesta, que foi um amor, num lugar lindinho, comidas deliciosas e os doces então, nem se fala. Dancei até com meus queridos “do Potter Club” (pena que nem todos puderam ir) e conseguimos passar um bom tempo com os noivos e tirar foto com eles!!! Aí na hora de jogar o buquê a Mari, que já tinha até bordado meu e outros nomes na barra do vestido, jogou foi um buquezinho de Santo Antônio e adivinha quem pegou um deles??? SIM!!! Se prepararem porque sou a próxima, se demorar eu escondo o Jesuzinho dele e aí esse santo não me escapa! Usei até foto dele pra representar o casório pra ele ver que eu o amo (e porque ainda não tenho a nossa foto, ehr)…
Mari e Vinícius: MILHÕES de felicidades porque vocês merecem mais isso mais que tudo!!

3 dias com @polypop

Em 22.08.2013   Arquivado em Viagens

Imagina você, ajudando sua filha preparar as coisas dela para viajar no mesmo dia a noite, quando ela finalmente solta: “Mamãe, você não tá nem um pouco preocupada com sua filhinha pegando um ônibus noturno indo para uma cidade que ela não conhece para se hospedar na casa de uma pessoa que ela nunca viu pessoalmente?” Pois é, foi o que minha mãe teve que ouvir a duas quintas feiras atrás. Depois de pensar muito no nível de irresponsabilidade dela em permitir tal atrocidade, ela finalmente respirou fundo, chegou a uma conclusão e disse “Ah, por favor, é a casa da Poly, né? A Poly é a Poly, tá tudo bem!”

É… Essa é para você aí que acha que amizades que começam pela internet não podem funcionar bem: até minha mãe sabe que eu e a Poly somos amigas o suficiente para rolar esse tipo de confiança e não deu outra, no dia seguinte antes das 7h da manhã lá estava eu descendo do ônibus e vendo ela na janela de casa, me esperando para dar um abraço e poder uma saber de verdade como é a voz, o jeito e a risada da outra. E era bom que desse certo porque nós tivemos que passar 3 dias juntas na casa dela, que sacrifício: 3 dias ao lado de alguém que eu gosto TANTO (e que não vejo nunca), perto de uma praia linda (que eu não gosto, mas praia é praia e mineiro na praia é mineiro na praia), convivendo não só com ela mas também com a mãe dela que é alguém incrível e mais: ajudando nos preparativos do aniversário! Ai, agora que eu descrevi esses dias me deu um aperto no coração e eu quero ir de novo, gente! Vou tentar contar como foi com algumas fotos e palavras, não vai ser o suficiente mas ainda assim: vamos lá!

Eu cheguei na casa da Poly na manhã da sexta feira, dia 9 e nem cogitei a possibilidade de dormir, mesmo estando cansada de 10h num ônibus, só tomei banho e fui tentar ajuda-la nas várias coisas que ainda faltavam arrumar para o aniversário dela que seria comemorado no dia seguinte. Aliás, comecem a campanha: POLY, MONTE SUA PRÓPRIA EMPRESA DE FESTAS JÁ! Ela tem talento natural, só pode. Cozinhou tudo, preparou tudo, confeccionou tudo, uma eficiência fora do tamanho, até eu me animei em fazer algo para mim mesma – quem sabe ano que vem? Passamos a manhã na cozinha, elas cozinhando e eu tentando ajudar no que deu, separando as forminhas, colocando as coisas no lugar. Ficamos nisso até a hora do almoço e assim que terminamos de comer já tinha mais coisa pra fazer. Lá pro meio da tarde para descobrir onde eu precisaria embarcar no meu ônibus da volta e em seguida ir ao aeroporto buscar a outra hóspede/convidada interestadual que estava para chegar: a Fernanda! Gente, que pessoa incrível, comunicativa, inteligente, alegre… Amei!! Foi bom passar 2 dos meus 3 dias com ela também! Chegamos em casa e nem fizemos muita coisa, basicamente trocamos de roupa para jantar lá perto porque comer em praia merece comida praiana! Quando voltamos ainda deu tempo de montar a decoração da festa de uma vez, roubar a senha da WiFi pro meu celular e ir doooormir porque eu tava MORTA. Gente, coloquei meu despertador para tocar e ainda assim não acordei, fui levantar era 10h da manhã morrendo de vergonha por ter dormido demais, já tava todo mundo na casa trabalhando loucamente porque “o dia” tinha chegado, nada poderia dar errado. E não deu!

Fotos Viagem

Às 18h, que era o horário em que a festa tava marcada, só tinha UMA coisinha faltando: a aniversariante! Mas ela pode, né? Ainda assim os primeiros convidados só chegaram 40 min depois, então ficou pronta a tempo e o pessoal ficou só babando em tudo isso que vocês estão vendo. Sim, tudo feito em casa. Tá bom ou quer mais? Porque tem mais!

Fotos Viagem

Além dessas tem mais ainda, se alguém quiser ver tá no meu Flickr – as fotos foram tiradas na câmera da Poly, mas a “fotógrafa” da decoração foi a tia Luly, hihihi. Tem outros detalhes também no blog que a Poly fez pra festa. E aí tudo certo, o pessoal chegando, se servindo da ideia incrível da anfitriã de fazer um self-service de sanduíches, bebidas para todos os gostos a vontade… Eu estava lá, só terminando de abrir as vasilhinhas dos ingredientes para os sanduíches que eram vários, quando escuto a Poly chamando “Luuly!”, olho pra trás e vejo a Malú!!! E ela tinha me dito que talvez não iria, imagina minha alegria! Aliás, não só a Malú mas também o Gabriel dentro da barriguinha dela! Ai que delícia, a gente viaja para conhecer uma amiga e conhece duas! E aí estávamos papeando quando a Poly arrasta a gente para a sala e nos apresenta a Lissa. Own… Aí já era, né? Pegamos as dolls – que estavam só na decoração – e tivemos que tirar foto com elas, transformando o aniversário da Poly num bonecontrinho!

Fotos Viagem

E “as dolls” inclui a Elle, que foi comigo para celebrar o aniversário da dinda dela, claro! Eu ia levar a Penny Lane também porque 1) as meninas lá não conhecem Byul pessoalmente e 2) a Malú é madrinha dela e eu sabia que tinha a chance de ela ir, mas tava com medo de viajar com 2 dolls. Na próxima ela vai! Ah, a festa já tava gostosa conversando com o pessoal sobre assuntos normais da vida, mas foi melhor ainda juntar no canto falando sobre perucas, corpinhos, roupinhas e como a Malú faz poses com as bonecas dela que só ela consegue… Fiquei tão feliz porque conhecer pessoalmente a Poly que é minha gêmea-perdida-encontrada já era bom, poder conhecer também a Malú que é uma amigona e que admiro a quase 10 anos via internet era melhor ainda (e ver o Gabriel mexendo, e dar um presentinho pra ele) e ainda de surpresa conhecer a Lissa, que eu não esperava ver lá. Ê viagem que valeu mais a pena do que eu esperava! Quando pessoal começou a ir embora foi até triste. Mas antes de irem rolou “parabéns pra Poly” e todo mundo morrendo de vergonha de pegar os docinhos, de tão lindos, hahaha, o que também não durou muito tempo: foi só provar um que não dava mais pra parar, além de belos eram deliciosos! Fomos dormir depois que a Poly abriu os presentes e acordamos cedo na manhã seguinte porque eu e a Fer queríamos ver o mar, lógico… E quem já viu mineiro na praia sabe como é, né? Eu não gosto de sol, não gosto de água e nem de areia, mas fui, catei conchinha, tirei fotos, pisei no mar e foi uma caminhada delícia!

Fotos Viagem

Voltamos pra casa e foi o tempo d’a Fer se arrumar, comer e ir embora pro aeroporto =( Mas foi um prazer enorme conhecê-la e espero que a gente se reencontre muito ainda na vida, e a gente vai! Eu e a Poly ainda demoramos um pouquinho para comer, e depois fizemos o que acho que nós duas estávamos LOUQUINHAS para fazer desde que cheguei: SESSÃO DE FOTO DAS BONECAS!! Teve foto individual, foto com os doces, aniversário da Amy, eu tirando milhões de fotos da Norah (que é minha afilhada) e querendo rouba-la pra mim, Elle pegando roupa emprestada com as “primas” delas, fizemos Making Of e eu ainda ganhei coisinhas que a Poly fez pras dolls, entre elas VARINHAS e um POMO DE OURO! Só vocês mesma, né cumadi?

Fotos Viagem

Enquanto o dia foi acabando eu fui arrumando minhas coisas, tomando banho e aí passou e passou o tempo e chegou a hora de ir pegar o ônibus. Ai, chorei demais quando ele começou a andar comigo lá dentro, deixando tudo pra trás e já morrendo de saudades daquele fim de semana prolongado. Morrendo de saudades dos gatos da Poly olhando feio pra mim por roubar a mãe deles. Morrendo de saudades daqueles doces que tavam ficando, mesmo levando alguns na bolsa. Saudades da dona Ruth, mãe da Poly, que é uma pessoa maravilhosa que eu não canso de agradecer por tudo o que fez por mim naqueles dias e nunca será o suficiente. Saudades do tempo (pouco) que passei com todos os que conheci lá e não queria ficar sem eles na minha vida… Ai, saudades de você, Poly!!!!!! Eu confesso que cheguei meio sem graça, morrendo de medo de não gostarem de mim, e no último dia já me sentia tão em casa, incrível como você me conhece tão bem, incrível como eu posso ter uma amiga tão linda assim, mas que tem que ficar tão longe de mim. Ai, saudades de tudo! Saudades até de falar o “o” do nome dela aberto, tipo “Póly”, enquanto todo mundo fala fechadinho condizendo com o nome, com som de “Pôly”. Cheguei em BH na segunda feira de manhã feliz em sentir de novo esse tempo seco, esse ar poluído, esse céu cinza, porque é sempre bom voltar pra nossa casa mas, ó: eu prometo que eu volto! E assim que eu morar em um lugar em que caibam visitas ela que faça favor de vir aqui em casa me visitar também…

Ah, pra finalizar, esqueci de contar nossa descoberta master do fim de semana: o PhotoScape! Editor de imagem mais lindinho da vida – fiz essas montagens nele… Recomendo para todo mundo, até eu tenho dado uma abandonada no Photoshop por causa dele: é amor puro demais, viva a função “Avivar”!

21 Candles…

Em 10.07.2011   Arquivado em Cotidiano, Harry Potter

Hoje, 10 de julho de 2011, às 17:41 eu vou estar completando exatos e redondos 21 anos de idade!! Eu sei que não parece, meus colegas de faculdade nem acreditaram e até hoje pensam que tenho 17, mas pra mim não faz nenhuma diferença mais. Meu aniversário não siginifica ganhar presentes, como quando eu era criança, nem ficar mais velha, como quando eu era adolescente. Agora é o dia que eu tenho pra comemorar com pessoas que amo muito e ver o número gente linda que vem me desejar coisas boas… Isso é o tipo de coisa me me emociona sempre, eu choro lendo cartões e quando vejo alguns recados… Acho que se eu chegasse aos 210 anos continuaria assim!!

– Ontem eu comemorei meu aniversário do jeito que sempre quis na vida, aproveitei que essa idade é um “marco” na vida das pessoas e fiz, sem vergonha nenhuma, uma Festinha Grifinória pra mim!! Inicialmente teriam 7 pessoas aqui em casa pra comemorar, mas deu meio errado porque a Beca ficou dodoi e a Lud não pôde vir (não sei o motivo ainda). Mas acabou que no fim foram dois momentos de festa tão lindos que valeu a pena mesmo sem essa duas queridas que fizeram falta.
A Daninha me deu de presente cupcakes da Gostin (já falei sobre aqui) que além de DELICIOSOS são lindos-lindos-lindos demais. Me inspirei nuns modelos de Harry Potter que a Ana Paula já tinha feito antes, mandei uma imagem Photoshópica tosquinha e ficou essa coisa maravilhosa aí:

21st Birthday

21st Birthday

O bolo foi a parte mais difícil, porque eu queria algo como esse aqui, mas as pessoas achavam que ia ser plágio, blábláblá. Aí a mamãe ligou pra Alcimar, que é uma verdadeira artista e faz tudo gostoso (ela fez salgados também), eu fui fazendo modificações pra combinar com os cupcakes e saiu ABSOLUTAMENTE LINDO!!

21st Birthday

21st Birthday

“I solemnly swear I’m up to no good”

Aí eu e a Daninha completamos o “visual” com as peças do xadrez e o cachecol dela e ficou tudo tão bonitinho!! Aliás, foi tudo lindo… Eu recebi uma caixa da Renatinha que tinha, além do cd da “Pedra Filosofal” de presente, a Gaby, a Blythe dela que é minha afilhada e veio me visitar!! A Dri e a Lili chegaram super pontuais, como sempre, e tivemos uma tarde inteira de @centoeoito comeeendo e rindo e brincando com a caixona que a Lili trouxe pra mim. E à noite o Gugui veio aqui fechar o dia, trouxe o cartão mais lindo da vida (que eu não consegui nem chorar lendo de tão sem reação que fiquei) e pouco depois de ir embora, meia noite em ponto, ele me ligou antes mesmo de a Daninha ver a hora pra dar parabéns e foi o primeiro do dia a fazer isso (ela que não gostou, hihi).

21st Birthday 21st Birthday
21st Birthday 21st Birthday

E hoje eu tô recebendo muitos votos lindos e tenho que agradecer todo mundo *-* Aliás, a TV O Tempo também teve um “presente” pra mim hoje, sem saber, mas isso é assunto pro próximo post!!

Os anos 60

Em 15.11.2008   Arquivado em Cotidiano

(Calma, gente, não morri… ExpressoRosa tá fora do ar e fica difícil responder comentários e etc com o endereço do Blogger… Vou ver se resolvo isso essa semana, aí vocês podem voltar a usar o endereço bonito e respondo os comentários!!)

* A tia Carmen é casada com o tio Luís, irmão da minha mãe e os dois são pais dos meus primOs mais lindos: Limão e Dih. O irmão da tia Carmen e a mulher dele, Patrícia, são dois amores de pessoas, tratam a gente como sobrinhas e até passamos a páscoa do ano passado com eles… Ontem foi aniversário de 50 anos da Patrícia e, pra comemorar, ela fez uma BAITA FESTA com o tema “Anos 60″.
Eu, que amo, já não perdi tempo e planejei tudo. Fui na casa da vovó, olhei todas as roupas dessa época que tinha lá, achei um vestido azul de bolinhas vermelhas LINDO. Mandei apertar, fui no salão, pintei o cabelo (retoquei o preto-natural que tava desbotadão por causa daquele maldito loiro!!), fiz chapinha, coloquei uma fita no cabelo, a Melissa Fivela Flocada preta da Daninha, uma make exagerada e let’s go!! A festa foi ontem e, nossa, foi maravilhosa!! Teve comida típica, todo mundo devidamente vestido, teve Escola de Samba (que foi a parte que menos “me mechi” porque, né… Eu não gosto muito!! Tá: eu ODEIO!!), teve músicas dos anos 60, teve umas de discoteca das 2 décadas seguintes – incluindo Dancing Queen -, teve banda ao vivo tocando tudo, teve concurso de “fantasia” que a tia Carmen ficou em 1º lugar feminino, teve táxi e lambreta pra tirar foto, teve distribuição de “enfeites” que iam das típicas pulseiras-neon até óculos estilo “Gatinha” pras moças se caracterizarem melhor, teve pé exausto de tanto dançar!!

Lambreta vermelha + Decoração de bolinhas e discos de vinil da entrada:

Foto 01

Moças da escola de samba no palco + Moços da escola de samba tocando

Foto 02

Mamãe provando que Elvis não morreu + Mamãe e Renato achando que tão no Rio!!

Foto 03

Dih levando Daninha pra passear de táxi + Dih levando Daninha pra passear de lambreta amarela

Foto 04

Eu e o vestido de bolinhas antes de ir pra festa + Eu e Daninha com os óculos “gatinha” lindos!!

Foto 05

Dih me dando carona no sidecar da lambreta amarela + Dih, Limão, eu e Daninha siacabanu!!

Foto 06

Momentos Top de linha:
– Dih pedindo Daninha em casamento no meio da pinta de dança (e ela recusando, *mimimimimimi*)
– Dancing Queen: desligaram a filmadora e aí o telão virou vazio. Na hora do refrão o moço ligou a câmera denovo e EU apareci no telão assim, sabe, mágico demais!!
– A gente achando onde tinham “escondido” o táxi e as lambretas e tirando fotos!!
– Preimiação de melhor roupa dos anos 60
– Limão e Dih batendo a cabeça enquando tocado o rock-mixado
– Limão (não) dançando forró comigo, sério mesmo, ele é ruim DEMAIS, e olha que eu nem sei dançar e tals…
… na verdade o Limão foi o ponto alto da festa. Quero descobrir O QUE tinham colocado no copo daquele menino porque vou fazer virar obrigatório em todas as festas… A animação dele era cativante!! Sabe o que é seu primo ser tipo “o mais sem graça” que não ficava nem 5 minutos dançando e aí, de repente, ele move platéias e ainda vira meu par em 80% das músicas, hahahaha!!

Momentos Tristes:
– O celular do Limão que eu até agora não sei se ele achou!!
– Aaaaah… A hora de ir embora, depois das 4 da manhã!!

Ouvindo: Anos 60 – Roupa Nova (e lá tem como ouvir outra coisa??)

– Comentários

Página 1 de 212