4ª Turnê Intrínseca em Belo Horizonte

Em 05.04.2015   Arquivado em Leitura

Desde 2012 a Editora Intrínseca promove anualmente pelo país afora a Turnê Intrínseca como forma de se aproximar do público e mostrar os lançamentos e sucessos da editora. Desde a 2ª edição eles vêm para Belo Horizonte e eu vou em todas porque adoro os livros de lá e é sempre super divertido: tem sorteios, a palestra deixa a gente doidinho pra ler vários e, claro, tem a parte de fazer e reencontrar amigos!
Nós temos um grupinho chamado “A Gente Não Chama Antônio” em homenagem a um dos livros da editora, o “Eu Me Chamo Antônio”, aí sempre que tem eventos literários aqui em BH nós marcamos de ir juntos – quando dá – pelo nosso grupo no Facebook, e dessa vez foi igual: todos nós chegamos cedo no domingo dia 29 para pegar um bom lugar e sentar todos juntos e felizes, aí até ficar com os pés doendo na porta da Leitura ainda fechada foi uma festa!

4ª Turnê Intrínseca
Nossa foto amorzinho que saiu no Instagram da Intrínseca, olha que lindeza!

Apesar do shopping abrir às 10h a Leitura só abriu às 14h, as senhas foram distribuídas às 15h e o evento começou às 16h, mas felizmente esses horários foram respeitados direitinho e lotou, teve até muita gente ficou sem a senha, já que eram só 200. Como chegamos cedo as nossas eram entre as primeiras, a minha foi 17, aí sentamos bem pertinho lá na frente!

4ª Turnê Intrínseca

Sobre a turnê em si… Confesso que dessa vez não fiquei curiosa com tantos livros quanto nas últimas duas, onde eu saí querendo ler todos, mas a galera ao meu redor delirou na maioria. É engraçado que quase todos os livros têm “reviravoltas emocionantes” e “finais surpreendentes” que é o que o pessoal gosta, mas confesso que eu mesma tenho saudades de romances despretensiosos clichês com final feliz ou já esperado, gosto muito. Acho que podia rolar um balanço entre o fantástico e o normal, desde que seja tudo bem escrito!
Me apaixonei pelos livros sobre cachorro, que são de fotografia, como Cachorros Submarinos e seu “filho” Filhotes Submarinos e, claro, o novo lançamento “extra” das séries “Percy Jackson e os Olimpianos” e “Heróis do Olimpo” (que eu amo), Percy Jackson e os Deuses Gregos que tá lindo demais, tô doidinha para minha irmã comprá-lo para ler! Fora isso fiquei curiosa com alguns, mas não passou de curiosidade boba. Mas falo de lançamentos de agora, claro, tem muito livro de outras Turnês que ainda tenho vontade de conhecer.

4ª Turnê Intrínseca

Teve sorteio de MUITO livro e até mesmo de um Kobo novinho, foi de pirar! No fim todo mundo ganhou os brindes de sempre: marcadores, bottons (que eu tirei de “A Culpa é das Estrelas” que não gosto tanto mas a Lili trocou comigo pelo de “Extraordinário” que amo, yey!), o pin da Turnê, lápis, um catálogo dos livros, bolsinha, etc… Eeeeeee um código para comprar de graça um ebook da editora a escolha e cada um na loja da Kobo *o* Gente, muito amor! Eu comprei “O capítulo do Julian”, que é um “extra” de Extraordinário até bem baratinho, mas que era o que eu mais queria então fiquei felizona, obrigada, Intrínseca!
Olha, apesar do shopping ser horrível foi muito organizado, adorei o pessoal que foi fazer a apresentação, tava tudo de parabéns, até na hora de tirar nossa foto já depois do evento as meninas foram MEGA simpáticas e atenciosas (elas até pediram pra ver e adoraram meu “Destrua Este Diário”, olha que fofas), já quero a do ano que vem!

4ª Turnê Intrínseca

Essa última foto é em off só pra contar que tinha um NAVIO DA BARBIE no Minas Shopping no dia cheio de bonecas do lado de fora (aí nas janelinhas) e outras coisas dentro que eu não pude ver porque ADULTOS NÃO PODIAM ENTRAR, só com crianças. Acho injusto, acho preconceituoso e acho que tem que rever isso aí porque pirei louca da vida quando vi e fiquei na vontade…

Look at Luly: ANIME SE

Em 15.12.2013   Arquivado em Moda

Embora não fosse minha proposta original eu estou gostando da ideia de fazer do “Look at Luly” uma tag mensal (sim, vou manter esse nome!), mas esse vai ser um caso especial…
Só que antes de explicar o motivo vou falar sobre o evento onde usei os dois “looks” em questão: o ANIME SE, que rolou nos dias 7 e 8! Bom, o que eu ouvi por lá é que é um evento já grande em Betim, mas foi sua primeira edição aqui em Belo Horizonte mesmo, então era tudo um grande teste feito pra dar certo. A Cia do Ponto resolver participar com um estande e lá fui eu para ajudá-los, então fui mais pra trabalhar do que pra participar em si. O resumo geral do evento é que o pessoal tá de parabéns em quase tudo, mas falharam mortalmente na escolha do lugar. Foi lá no Mercado das Borboletas, que fica no Mercado Novo aqui de Belo Horizonte e, gente, o lugar é underground nível trash supremo! Sério, terrível, daqueles que você não se arrisca a ir com um sapato aberto e nem a usar duas calças jeans diferentes nos dois dias pra não sujar mais de uma. Cheio de corredores abandonados, goteiras que deixaram tudo encharcado, gatos magrelos de rua que deveriam ser os bichos mais limpos que já pisaram ali… Horroroso! O Gil tinha tentado me alertar antes e eu até tinha visto fotos, mas chegando lá era pior do que eu pensava, hahaha.
Fora isso preciso dizer: a equipe tá de super parabéns! Todos eles mega prestativos, sempre preocupados se estava tudo bem, se esforçaram muito para tentar desviar de todos os problemas que o lugar causou. No primeiro dia em que o andar onde foi o evento teve um problema de perda de espaço por causa da chuva eles super cooperaram pra que todo mundo ficasse com um estande legal e no segundo dia mudaram o evento de andar pra melhorar pra todos. Fora isso deram água para todos os participantes (inclusive pr’a gente!) para ninguém ficar morrendo de sede. Acho que a próxima edição tem tudo para ser muito boa se for feita em um lugar melhor!
No sábado as vendas foram meio baixas, mas o domingo compensou bastante. É muito gostoso pra mim estar com eles nesses eventos porque eu me divirto tanto dentro do estande entre a gente quanto também socializando com o pessoal que vai pra participar, tem gente de todo tipo!

Agora vamos falar dos looks em si e explicar o post “separado”… A verdade é que eu não “montei” looks nos dias, muito pelo contrário. O que eu pensei foi camisa da loja + a mesma calça jeans + pés tampados dos mosquitos e demais ameaças! Sendo assim eu nem postei os dois no Lookbook nem nada, tirei foto só pra postar aqui mesmo.
Falando nisso, consegui um lugar que presta pra tirar as fotos! A primeira ainda tá meio mal tiradinha com uma baguncinha atrás, mas a segunda eu já soube fazer melhor e aí vocês vão fingir que não repararam.

Look at Luly

– No primeiro dia eu usei o que era o último lançamento da loja: a camisa do Acampamento Meio-Sangue! Percy Jackson virou meu novo vício e vai merecer um post especial com vídeo-tag depois, gente, estou apaixonada… Aí quando a Mari me falou que ia fazer a Daninha já pediu uma pra ela e uma pra me dar de natal (adiantadíssimo!). A foto ficou simplezinha, mas a gente mandou personalizar atrás com o número dos Chalés: o meu 10 e o da Daninha 6. Tem foto das costas dela no Instagram, ficou linda.
Fora isso foi o que falei. Usei mesma calça confortável tanto sábado quanto domingo e meu par de All Stars mais velho e confortável, mesmo sendo rosa e não tendo muito a ver com a camisa alaranjada. E minha mochila de sempre que virou a mochila de eventos porque cabe tudo e tem mil bolsos.
Depois eu pretendo usar e fotografar um look digno de filha de Afrodite com essa blusa, me aguardem!

– O segundo dia foi especial porque eu saí de lá direto pra apresentação de balé da minha prima, aí tinha que ir mais arrumadinha… Escolhi então a blusa de Jogos Vorazes (já tem look com ela AQUI) que é a mais bonita lá da loja. Como o tempo estava menos insuportavelmente quente eu pude usar então REALMENTE do jeito que queria ter feito na estreia de Em Chamas e não fiz: com as botas e a trança da Katniss, quase um cosplay sem armas. Ficou bonito!
Na verdade eu não estava com a trança no dia (que feio, Luly…) porque com o balé depois eu não queria marcar meu cabelo, então fiz só uma tiara de trancinha fofa e essa aí da foto é meramente ilustrativa pra fingir que consegui meus objetivos, hehe – apesar de que com a tiarinha tava bem mais bonito do que com a trança em si. Já a bolsinha da Kipling eu usei durante o evento pra guardar dinheiro, celular e etc (e levei ela no balé depois), mas eu tava com a mochilona no dia pra levar tudo que precisava, só achei desnecessário mostrá-la na foto tendo essa aí pra aparecer também.

Enfim, no fim do mês tem mais lookzinhos de resumão do mês, bonitinhos e apresentáveis, pra hoje serão só esses com carinha de cansada mesmo. Câmbio, desligo!

2ª Turnê Intrínseca em Belo Horizonte

Em 06.07.2013   Arquivado em Leitura

Falei que não ia falar sobre isso mas tô falando… Mas é porque, ao contrário da primeira, a 2ª Turnê Instrínseca veio em Belo Horizonte no fim de junho (foi a penúltima cidade que eles foram) e foi linda, mas antes de contar como foi eu preciso explicar do que se trata pra quem não sabe…
A Editora Intrínseca é relativamente nova no mercado e não conta com uma equipe muito grande, o que significa umas 30 pessoas, de acordo com o que nos foi informado. O que significa que eles publicam poucos livros, mas parece que tudo que tocam vira sucesso (ou já é sucesso e eles trazem o sucesso pra cá). Pra quem não sabe é essa editora que publicou a saga “Crepúsculo”, da Stephanie Meyer, e sua nova “versão apimentada” na trilogia “50 Tons de Cinza”, da E. L. James que são, na minha opinião, duas sagas ruins, porém que movimentam o amor de várias mulheres e muuuito dinheiro com a venda de livros e mais livros, porque são mais do que bestsellers: são verdadeiras sensações internacionais. E pra quem é igual a mim e não gosta dessas que citei vamos pra parte incrível da editora, porque eles são respnsáveis por trazer pro público brasileiro autores como Andrew Lane, Cressida Cowell, Elizabeth Eulberg, Lauren Oliver, Markus Zusak, Rick Riordan e o queridíssimo John Green, que são autores que você pode não conhcer de nome, mas COM CERTEZA vai achar um livro que já leu ou quer ler e já foi escrito por alguns deles.
E por causa desse grande sucesso que a editora faz, principalmente com o público jovem, que eles decidiram começar a fazer turnês anuais pelas capitais do país e apresentar a esse público quem eles são, o que já fizeram e principalmente o que está por vir. É um meio deles ficarem próximos ao leitor, de rolar uma troca direta de informações e gostos, porque por mais que você faça uma comunidade no Facebook onde os leitores podem postar coisas não é a mesma coisa do que estar ali, frente-a-frente, mostrar um trailer e uma foto na hora se rolar o interesse, poder ir num cantinho com a moça ver se suas teorias tão certas depois do evento, muito demais!!

2ª Turnê Instrínseca

2ª Turnê Instrínseca

O evento aconteceu na Leitura do Pátio Savassi no domingo, dia 23 de junho à tarde. A fila se formou assim que a livraria abriu e o evento começou bem pontualmente, o que eu particularmente acho ótimo (parabéns, pessoal da Instrínseca!). Tava relativamente vazio comparado com outras cidades, por volta de umas 100 pessoas, mas foi ótimo mesmo assim. A turnê começa com a apresentação dos brindes e depois segue uma linha do tempo bem bacana: apresentação da Editora, mostra dos próximos lançamentos (relacionando alguns aos lançamentos antigos), sorteios e, no final, se alguém quiser adicionar alguma coisa seja ela em público ou em particular com o pessoal da Editora pode. Não é realmente muito longo, dura por volta de 2 horas, mas você sai de lá querendo ler absolutamente TUDO!! Gente, quanta história triste, eu adoro livros que me fazem chorar absurdamente porque sou muito chorona e já fico emocionada com qualquer besteirinha, então quando leio drama ou algo assim acho ótimo porque é quando tô chorando “junto com as pessoas nornais”, hahahaha. Entre os livros que eles apresentaram o que mais me intrigou foi “Extraordinário”, que é a história de um menino com um problema genético que torna seu rosto deformado. Ai, chorei no booktrailer, gente, muito triste e bonito e compreensível ao mesmo tempo! Tirando o álbum que eles sortearam (que te presenteava com VÁRIOS livros) era o que eu gostaria de ter ganhado nos sorteios. No final eu nem fui sorteada, mas todo mundo que vai á turnê ganha a sacolinha do amor deles pra ninguém ficar de mão abanando. Minhas fotos foram tiradas do celular (ou seja: ficaram uma meleca), mas olha que graça o que nós trouxemos pra casa:

2ª Turnê Instrínseca

– Ecobag/bookbag,
– Kit de marcadores de página,
– Passaporte da turnê com todas as informações,
– Pin,
– 3 bottons,
– Lápis da Editora.
Muito bacana, né? Digo, TUDO muito bacana. Adorei a iniciativa deles, eu já gostava da editora e agora estou apaixonada, tá virando minha favorita. Foi uma tarde rápida daquelas que vale a pena e que venha a Turnê do ano que vem!!

Rapidinhas de Maio

Em 07.06.2013   Arquivado em Cotidiano, Dolls

As Rapidinhas de Maio vão ser rapidiiinhas mesmo porque, gente, ô mês que passou voando! Não sei se foi o fato de não ter um emprego oficial (meu estágio terminou em abril =/) ou o que, mas quando olhei o feriado de Corpus Cristi já tava batendo na porta junto com o aniversário da mamãe e, puff, junho chegou!! Ai, tomara que esse mês passe mais devagarzinho.

Rapidinhas de Maio

O mês já abriu com evento literário, que é o que tem DOMINADO meus fins de semana… Fomos ao lançamento de “Confissão”, da Paula Pimenta. Chegamos bem cedo na fila (meu número foi o 14!), o que significa que pudemos comer guloseimas e conseguir o autógrafo dela bem rapidinho! Pena que ela não postou as fotos ainda =(
O livro em si é visualmente liiindo e tem umas poesias beeem fofas (principalmente pra quem leu “Minha Vida Fora de Série”)… Eu comprei um pra mim e um pra uma amiga que vai receber logo, hehehe, só preciso ter tempo de organizar minhas coisas e mandar pra ela!

Rapidinhas de Maio

Aí eu, no auge da minha pobreza, fui pedir dinheiro emprestado pra minha irmã pra comprar a sapatilha mais linda do mundo. Eu tava vendo ela já rodando pelas redes sociais afora e fiquei apaixonada, aí quando descobri que é da Petite Jolie endoidei e resolvi comprar uma. E como minha irmã é linda resolveu me dar ela de presente de aniversário adiantadíssimo <3 Ela é incrível, com minha bandeira querida e seria muuuuito confortável se meus pés não fossem cheios de frescura e machucassem atoa! Brigada, Daninha!!!!!!!!
Rapidinhas de Maio

Num falei que eu tava vivendo de eventos literários? teve também um de “Em Chamas”, já preparando pro filme em novembro!! E como eu sou a rainha do mico trouxe aqui pra vocês verem minha própria foto vestida de cidadã da Capital, hahahaha. Foi muito delícia, até minha orientadora encontrei por lá (e ela morreu de rir de mim e ainda me deu uma notícia linda!).

Rapidinhas de Maio

Esse foi também um bom m~es bonecamente falando!! Tivemos bonecontro (tava com saudade) eee uma tarde LINDA com a Laurinha, minha prima de 10 anos, aqui em casa num domingo pra poder “brincar” com nossas Pullips!! Não vejo a hora de ela crescer mais um pouquinho pra poder ter a dela também!

Além disso maio teve feriado, dia das mães, aniversário da mamãe, muita falta de dinheiro, algumas espectativas de trabalho e o começo desse friozinho delícia que tem feito e eu adoro!!

A Primeira Tarefa

Em 26.11.2012   Arquivado em Harry Potter, Vídeos

Tô viva!!
Só o blog que não tá muito, né… Mas é que pra atualiza-lo eu preciso de duas coisas que me faltam no momento: tempo e acesso à internet. Assim que um dos dois surgir na minha vida me viro mesmo sem o outro e apareço mais =D

Duas semanas depois, olha que coisa feia, cá estou eu para contar como foi “A Primeira Tarefa” do Potter Club, que aconteceu dia 11 de novembro…
… ou tentar contar, porque cada mais vai ficando difícil eu acompanhar o que tá rolando nos eventos e principalmente registra-los. Haja trabalho, minha gente!!

Então, vamos começar do começo, ou do MEU começo. Além de uma semana de correria absurda que foi o que tivemos na véspera o pior ainda estava por vir: a produção de Cerveja Amanteigada aqui em casa no sábado, dia 10. Quando digo “pior” é no quesito “trabalhoso”, porque na verdade é divertidíssimo esse momento, minha gente.
A verdade é que no dia deu TUDO ERRADO e atrasou tudo, mas 13h em ponto a Lili tava aqui em casa (com presentes lindos lá de Orlando que vou mostrar depois) e lá fomos nós correndo porque eram 150 Cervejas. Ela e a Daninha colaram os rótulos todos na velocidade da luz e ficaram me ajudando na produção em si até o Gugui chegar para assumir esse cargo que é dele. E aí que junta quatro crianças no mesmo recinto e só saiu besteira e risada, no final da noite eu tava morta de exausta, mas conseguimos, deu tudo certo nessa parte e tals.
apesar de que, essa eu tenho que contar, porque que medo, gente… Fui eu saltitante buscar nossa comida com o entregador (tava todo mundo faminto) e quando volto Lili e Gugui me dão a fatídica notícia de que o liquidificador tinha parado de funcionar!! Meu sangue gelou e eu quis chorar, mas fui caminhando lentamente em direção à cozinha, tirei e coloquei a tampa de volta e, magic, voltou, era só problema de encaixe e tudo ficou bem. Não quero nem pensar no que aconteceria se fosse verdade.
Enfim, o estado da geladeira era o de sempre, ela tava inteira possuída assim:

A Primeira Tarefa @ Matriz

Merecida noite de descanso e o domingo começou cedo pra mim. Arrumei tudo, coloquei a cervejaiada na caixa, me arrumei boonitinha (“Look At Luly” Hermiônico logo abaixo pra vocês) e esperei a mamãe chegar pra me buscar. A Daninha me ajudou a descer com as caixas e coloca-las no carro triste, tadinha, porque ela teve vestibular da PUC no dia e não pôde ir ao evento (mas ajudou mesmo assim enquanto pôde, oin). E aí quando eu penso que acabou o sufoco, cheguei no Matriz e deu tudo certo a notícia era que faltava menos de duas horas pra começar e não tinha nada pronto.
Nada mesmo.
Nem mesmo uma caixa de Sapo de Chocolate colada.
Foi com a graça do Senhor que o Gugui apareceu lá (ele me ajudou no lugar da Daninha, coisa linda…) e houve mutirão de colagem de caixas enquanto eu fazia outras coisas… Tinha que ir lá fora escolher o trio que entraria meia hora mais cedo, escolhi os “Basiliscos Devassos” porque ficaram ótimos e aquele entra e sai do Matriz e tava na hora de abrir e os concorrentes do Concurso de Desenho também tinha que entrar mais cedo, e na arrumação garrafas de Cerveja tinham sido derrubadas e AH!!!!! Gente, eu tava entrando em colapso, querendo sacudir o Gil pra ver se alguma coisa dava certo.
O povo foi entrando e eu e o Gugui tivemos que decidir nosso destino na marra, porque se a gente fosse esperar todas as caixas de Sapo ficarem prontas a lojinha do fã clube não ia vender NADA. Mas ele é lindo e se dispôs e ficar colando tudo enquanto me virava vendendo sozinha.

Lookbook - 11/11/12
Hermione Granger dessa vez com CAPA!!

A Primeira Tarefa @ Matriz
Trio Vencedor

A Primeira Tarefa @ Matriz
Eu forçando um sorriso vendedor em meio ao meu desespero

Ok, mas aí é que tava… Vender sozinha foi fácil. E isso é ruim. Significa que a loucura de todo mundo querendo comprar, subindo em cima da minha mesa e esvaziando minhas caixas de cerveja Amanteigada e sacolas de Sapos de Chocolate não estava acontecendo. Vender vendeu, prejuízo não teve… Mas eu senti falta de ficar maluca com aquele povo. A verdade é que evento em fim de ano não rola, o máximo é setembro, todos os stands tiveram o mesmo “problema”: as vendas aconteceram, mas não de forma abusivamente frenética como costuma ser.
Isso significou muito mais trabalho do que eu tenho geralmente mentalmente falando. Porque é aquela confusão no início, mas geralmente em duas horas acabou tudo, é só arrumar a mesa e eu tô livre. Dessa vez a gente teve que ficar lá do início ao fim em momentos de vendas e de total falta do que fazer sem poder sair dali, porque enquanto o evento rolava lá dentro a meia dúzia de gato pingado que ficava pra comprar não nos permitia “folga”.
Agora, veja bem, não tô RECLAMANDO e sim RELATANDO como foi. Só pra deixar claro.
Mas até que esses momentos de trabalha-não-trabalha foram bons. a gente ficou batendo um papo entre stands, a Nanda não conseguia parar de comprar as Cervejas e teve hora que pude até abandonar minha cadeira dura e ficar sentadinha abraçada no Gugui com Lili ao lado, ambos me fazendo companhia, conversando e me ajudando sem ter nada a ver com isso (eu preciso agradecer de novo?? Porque, sério, muito obrigada).

O evento em si teve coisas bacanas. Teve A Primeira Tarefa em si, e tudo rodou em volta disso, todas as gincanas e tals, e no final nossos campeões foram escolhidos e o vencedor ganhou um ingresso para o Baile de Inverno. aliás, vendemos alguns outros ingressos também e quem for fã de Harry Potter dá uma olhadinha no site, eu sei que o ingresso tá caro mas vale a pena juntar com o povo e vir de “caravana”, se rolar vai ser INCRÍVEL, palavra de staff realista.
Eu desfilei no concurso de cosplay, rodei meu Vira-Tempo e voltei na passarela de costas, o que fez quem me conhece dar umas risadas boas… Foi bem divertido e além de tudo tivemos a presença com sessão de autógrafos da Renata Ventura, autora do livro “A Armada Escarlate” – que é fofa e mega simpática, amei!!

A Primeira Tarefa @ Matriz
O povo do Matriz também tava lendo “A Armada Escarlate”…

A Primeira Tarefa @ Matriz
… e Gugui aproveitando um momentinho de folga pra fazer uma leitura dinâmica também =)

A Primeira Tarefa @ Matriz
Vista do palco na hora do intervalo (é, tava bem vazio).

A Primeira Tarefa @ Matriz
Vendas dos ingressos do baile.

A Primeira Tarefa @ Matriz
Eu, louca e bipolar meio Hermione meio Sirius.

Acho que a gente pode ter “problemas”, mas os eventos são sempre um sucesso, sempre bons para todos os que participam “por trás das cortinas” e para quem vai também. eu espero que MEU, digo, nosso Baile de inverno realmente aconteça porque EU, digo, nós merecemos que isso também se torne realidade.
Pra finalizar (porque o post tá grande) um “Hello, hello”. Sim, eu nunca vou conseguir gravar um vídeo que preste, mas é porque o trabalho é árduo, né, minha gente. Mas vocês vão ver mini pedacinhos do dia, vão me ver feia ficando bonitinha e o mais importante: um pequeno “momento exclusivo” da produção de Cerveja Amanteigada muito sério e focado em terminar logo sem gracinhas, hahahaha.

Ok, eu menti, não era pra finalizar!! Antes de ir embora tenho que agradecer ao Ramon porque mesmo cheio de coisas pra fazer teve um tempinho pra modificar os paper toys dele e fazer uma Mione de vestido azul SÓ PRA MIM!! Agora olha como ela e meu Rony podem se olhar apaixonados cheios de fidelidade às palavras de J.K. Rowling, aiai, tão lindo… Ramonzinho, obrigada, não vejo a hora de ficar igualzinha a ela!!

R/Hr

Página 2 de 812345678