Top 5: O que de melhor o mundo virtual te trouxe/traz? (37/52)

Em 18.01.2015   Arquivado em Memes e Tags

Essa é a trigésima sétima semana do Desafio 52 Semanas de Top 5 que era pra eu ter terminado em 2014 e não consegui, palmas para mim (só que não)! A verdade é que no meio do caminho o desafio mais atrapalhava do que ajudava minha vida na hora de escrever por aqui e fui mandando ele pras cucuias devagar até abandonar de vez. Agora que passaram algumas semanas dei uma respirada funda e decidi que vou finalizá-lo, mas ao invés de fazer isso semanalmente vou espaçar os posts, responder quando quiser, usar como um método de atualizar o blog quando tiver sem assunto e etc. Mas prometo que ele vai terminar em 2015 ainda! Enfim, o tema da vez é: O que de melhor o mundo virtual te trouxe/traz?

Semana 37/52

01: Esse blog

Porque aqui eu posso escrever tudo o que quiser, a hora que quiser, do jeito que quiser, sempre que quiser… E escrever é bom demais! Acho que eu continuarei escrevendo nesse blog mesmo se for pra ninguém ler, amo isso aqui. Amo, amo, amo!

02: Amigos, em vários sentidos

Dizem que a internet piorou as amizades, que ficaram mais superficiais e mimimi, mimimi. Pois eu acho o contrário! Graças a internet eu consigo: 01) conhecer pessoas que podem vir a se tornar bons conhecidos ou até mesmo melhores amigos pessoalmente; 02) ter amigos virtuais, tanto “amiguinhos” quanto “amigões”, em qualquer lugar do país; e 03) manter contato mais facilmente com as amizades que fiz fora da internet e mantê-las! Pra mim só ajuda!!
A única coisa paia é ficar na internet o tempo todo enquanto estiver com seus amigos pessoalmente, né? Vamos largar o celular só um cadinho, gente…

03: Fashion Dolls

Eu sempre gostei de bonecas e tudo mais, mas sem a internet como eu saberia que existem as bonecas mais lindas do mundo vindo do Oriente direto pro meu coração? E com minhas bonecas eu descobri várias coisas que gosto e pessoas que adoro, é uma parte maravilhosa da minha vida!
Além disso foram elas que me mostraram que eu podia gastar dinheiro com bonecas se quisesse, até mesmo as bonecas que tenho que se acha aqui no Brasil pode ser que eu só tenha comprado por colecionar Pullips e afins.

04: Google Maps

Eu sou uma verdadeira barata tonta desorientada, não sei como chega onde e isso em qualquer lugar! Por isso Google Maps é tão relevante na minha vida, simplesmente pelo fato de salvá-la!

05: Comércio virtual

Nem preciso dizer, né? Comparar preços, comprar sem sair de casa, opção de comprar em qualquer lugar do planeta. Tudo isso é muita luz, muito raio, muita estrela e muito luar!

Top 5: Morro de preguiça de… (36/52)

Em 02.11.2014   Arquivado em Memes e Tags

Essa é a trigésima sexta semana do Desafio 52 Semanas de Top 5 e o tema da vez é: Morro de preguiça de…

Sweeties <3 Padrão

01: Exercícios físicos

É errado, é feio, eu já sei. Mas eu não gosto, não faço e não quero, gente! Na verdade querer, querer mesmo eu até quero porque sei que esse meu sedentarismo tá vergonhoso já, mas a preguiça não deixa. Mesmo.

02: Lavar os cabelos

Ah, se eu pudesse deixaria a tarefa de lavar meus cabelos sempre nas mãos da minha cabeleireira porque acho um saco. É meio nojento eu admitir isso assim pra internet afora e tudo mais e sei que eu não devia pensar desse jeito, mas quando chega “dia de lavar o cabelo” eu vou pro banho sofrendo (e olha que eu adoro banho). Sem contar que eu ando preocupada com toda essa situação da água e lavar os cabelos duplica o tempo de banho, né…

03: Aulas aos sábados

Mês passado eu terminei de vez meu curso de computação gráfica na Seven e estou dando glória aos céus desde então simplesmente por não ter que acordar cedo aos sábados porque esse é o dia sagrado pra mim, gente. Sério, se precisar trabalhar, estudar ou fazer qualquer coisa em algum dia do fim de semana eu prefiro fazer no domingo, sábado não POR FAVOR, tira toda a graça e magia da sexta feira!

04: Cozinhar

Bom, isso não é inteiramente verdade: eu adoro fazer qualquer tipo de doce, gosto mesmo, dá vontade de fazer ficar gostoso e bonito ao mesmo tempo. Mas cozinhar pra valer, fazer comida, comida meeeeeesmo? Argh, além de não SABER cozinhar eu não sou chegada na prática nem um pouquinho.

05: Trânsito de Belo Horizonte

Mas infelizmente o que não tem remédio remediado está e só o que posso fazer é agradecer pelo meu trabalho incrível que me deixa chegar e ir embora em horários em que eu não preciso enfrentar o caos total, porque o trânsito dessa cidade me estressa em níveis tão altos que não tirei carteira de motorista até hoje muito por causa disso.

Top 5: Minhas piores compras foram (35/52)

Em 15.10.2014   Arquivado em Memes e Tags

Essa é a trigésima quinta semana do Desafio 52 Semanas de Top 5 e o tema da vez é: Minhas piores compras foram:
No post passado eu falei que tava pensando em abandonar o projeto e me surpreendi com o número de pessoas que pediu que eu não fizesse isso. Sendo assim vou continuar tentando. O tema dessa vez foi meio podrete, mas ok, temas melhores virão…

Semana 35

01: Depilador

Eu comprei no ShopTime um depilador daqueles masoquistas que arrancam os pelos com raiz e tudo de uma vez sem te preparar e fiz isso porque a moça disse na propaganda que era TUUUUUUDO DE BOOOOM, funcionava pro corpo inteiro, quase não doía. NÃO DÓI AONDE, FILHA? Primeiro que depois de comprar li no manual que ele é recomendado só para as pernas e segundo que aquilo ali é de matar qualquer uma, gente, é fora do normal a dor! Odiei! E o pior é que foi na época que eu fazia meu primeiro estágio de salarinho pequenininho, custou mais da metade do dinheiro do meu mês e eu usei, sei lá, umas duas vezes por ano no máximo desde então!

02: Blusa Mulher Maravilha

Então… Ano passado eu fui no Heroes Festival que teve aqui em BH e comprei duas blusas, uma em cada dia de evento. A primeira foi uma LINDA de Star Wars que tem tudo quanto é personagem e eu adoro. A segunda foi no final do segundo dia, da Mulher Maravilha. O negócio é que eu comprei meio no impulso, a que tava em cima da mesa mesmo, nem olhei outros tamanhos ou qualidade. Acontece que ela fica meio larga em mim, de um jeito meio “largado” que não gosto e que hoje, depois de trabalhar diretamente com bodados industriais, vi que blusa de silk não dura nada. Ainda uso ela e tals, mas queria ter esperado e procurado mais…

03: Livro “O Monstro”

Em 2006 eu prestei vestibular como treineira e esse era um dos livros que eu tinha que ler para a prova. Minha mãe, muito empolgada em ver sua filhinha vestibulando, comprou alguns dos livros pra mim e esse foi um deles. Sério, UEMG, qual o sentido daquilo? Alguém me explica cadê o caráter educativo de um livro desses? Eu tinha 16 aninhos na época e era muuuito inocente, ia me chocando mais e mais em cada uma das três histórias porque era só: sexo casual nojento, violência sexual justificada e sexo casual inadequado. SÓ ISSO! Não vejo o sentido até hoje.

– E ACABOU! Não tenho mais nenhuma compra da qual me arrependi, geralmente eu pesquiso, espero, calculo e aí sim, depois de muito pensar, faço a compra.
Mas já que sobrou espaço no fim do post vou fazer uma pergunta: vídeo contando dos últimos livros que li: é legal? Não digo book haul porque eu não compro muitos livros, é mais um equilíbrio entre empréstimos (da minha irmã ou de outras pessoas), compras e tals.
E outra dúvida: Quantos livros? Tipo cinco? Lembrem que eu falo MUITO MESMO! Queria gravar um ainda esse ano, mas tô pensando ainda…
Obrigada, beijos, byebye!

Top 5: Livros que eu acho que todo mundo deveria ler (34/52)

Em 10.10.2014   Arquivado em Leitura, Memes e Tags

Essa é a trigésima quarta semana do Desafio 52 Semanas de Top 5 e o tema da vez é: Livros que eu acho que todo mundo deveria ler.
A notícia é: estou a um passo de abandonar esse projeto. Não sei ainda o que fazer direito, mas preciso pensar com muito carinho no assunto…

And reading!!
Viu? Com foto de boneca o post fica muito melhor!

01: Série Harry Potter, da J. K. Rowling

Títulos Originais: Harry Potter and the Philosopher’s Stone, Harry Potter and the Chamber of Secrets, Harry Potter and the Prisoner of Azkaban, Harry Potter and the Goblet of Fire, Harry Potter and the Order of the Phoenix, Harry Potter and the Half-Blood Prince, Harry Potter and the Deathly Hallows.
Ano: 1997 – 2007
Páginas: 3064 (juntos)
– É DESNECESSÁRIO dizer aqui o quanto cada um desses livros é importante para mim, certo? Se não fosse por Harry Potter quem sabe esse post que está sendo escrito nesse momento jamais existiria, por diversos motivos… Mas eu não recomendo por serem meus livros favoritos no mundo não, e sim porque eu acho HP um MARCO da literatura infanto-juvenil e pra mim todo mundo tem que ler, gostando ou não. É que nem Shakespeare, sabe, uma obra prima da literatura britânica, mesmo que a pessoa acabe detestando (oi???????) pelo menos tem que saber o motivo pelo qual detesta e pelo qual nós amamos!

02: Extraordinário, da R. J. Palacio

Título Original: Wonder
Ano: 2012
Páginas: 320
– Livro lindo, maravilhoso, favorito de 2014, amorzinho da Lulynha, Palacio quero te abraçar! Sério, gente, se você quer um livro desses que muda a vida d’a gente para mudar a sua escolha “Extraordinário”.
Ainda quero escrever um post sobre essa belezura tão rápida e marcante, mas posso resumir aqui meu sentimento final: Auggie Pulman e seus amigos me mostraram o tipo de pessoa que eu quero ser!
Ver histórico de leitura.

03: O Chamado do Cuco, do Robert Galbraith

Título Original: The Cucco’s Calling
Ano: 2013
Páginas: 496
– Eu JURO PRA VOCÊS que não é só por ser da J. K. Rowling que eu amei esse livro. Juro mesmo, tanto que eu tava com medo de não gostar antes de começa-lo. Aí tomei coragem, comecei e não desgrudei dele até terminar, me apaixonei!! Mal posso esperar para ler “O Bicho da Seda”, que é o segundo livro da série e tá pra sair aqui no Brasil. Aposto que vai ser incrível também.
Eu comecei a escrever um post sobre ele, mas não sei se irei terminar porque já fazem alguns meses que li, mas com certeza vai estar no meu Top 5 de favoritos do ano! Quem gosta de romance policial pode ir atrás que não vai se arrepender.
Ver histórico de leitura.

04: Marley & Eu, do John Grogan

Título Original: Marley & Me
Ano: 2006
Páginas: 302
– Esse foi o presente que eu e minha irmã demos para minha mãe no natal de 2008. No ano seguinte quando viemos morar com meu pai o livro veio junto porque a gente não queria se separar dele, loucura total! Eu fico triste quando vejo pessoas que não se emocionaram com esse livro (ou com o filme) porque isso é a prova de que a pessoa nunca soube o quão incrível é ter um cachorrinho em sua vida. Eu sei, e já soube mais de uma vez, então continuarei chorando com a história da vida do Marley para todo o sempre porque ele merece!

05: O Pequeno Príncipe, do Antoine de Saint-Exupéry

Título Original: Le Petit Prince
Ano: 1943
Páginas: 96
– E se você não leu ainda faz o favor de ir AGORA conseguir um exemplar e ler, sério, agora. Esse é um livro que todas as pessoas do mundo devem ler por obrigatoriedade, é daqueles que você lê desejando que tudo aquilo tenha acontecido de verdade. Nem sei o que falar, acho que nem preciso falar porque não é o tipo de coisa que podemos expressar com palavras: esse aí tem que ser visto com o coração!

Top 5: Tenho medo de… (33/52)

Em 11.09.2014   Arquivado em Memes e Tags

Essa é a trigésima terceira semana do Desafio 52 Semanas de Top 5 e o tema da vez é: Tenho medo de…

semana33_01
Devia colocado alguma foto de boneca pra ilustrar o post e não essa montagem cheia de coisas horrorosas…

01: Fogo

Alguns chamariam de fobia, outros de frescura, mas eu chamo de PAVOR! Ai, não tem nada nessa vida, nesse mundo, nessa existência que me meta mais medo do que fogo. Sinto cheiro de longe, não gosto de chegar perto nem de churrasqueiras e qualquer falta de energia que requer velas acesas me dá pânico. Não quero, não gosto, não, obrigada!
E o pior é que esse medo de fogo gerou um certo medo também de ligar as coisas na tomada desde que tentei ligar as luzes da árvore de natal lá de casa quando tinha uns 6 aninhos e a porcaria estourou na minha mão deixando um abita cheiro de queimado, só pra piorar as coisas…

02: Altura

Eu consigo disfarçar esse até, consigo subir em lugares altos numa boa desde que tenha um chão bem sólido debaixo de mim (Pontes “transparentes”? Jamais!) e muitos lugares em volta onde posso me segurar ou algo me prendendo, no caso de brinquedos de parques de diversão. Mas pular de paraquedas e coisas dos tipo só em situações de vida ou morte pra mim, por diversão nem pensar porque não quero voltar desmaiada lá de cima.

03: Barata

“Luly, é um bicho indefeso, vai! Tudo bem você falar que tem nojo, mas MEDO? Não faz sentido!”
Faz sim porque eu sei que elas querem me matar. Simplesmente sei disso. Nenhuma delas é do bem – só a amiguinha do Wall-E no filme. SÓ! O resto delas devia sumir do planeta!
(Inclusive coloquei ela pra ilustrar na montagem porque não ia colocar uma foto daquele bicho de verdade aqui, ninguém é obrigado a ver isso!)

04: Filmes de terror

Nunca assisti um filme de terror inteiro, não pretendo e fim de papo porque gosto de dormir noites de sono tranquila sem ter que ficar com 2 horas de duração em forma de trauma na minha cabeça.
Até filmes de suspense me deixam traumatizada, que dirá de terror!

05: Nadar

E depois dessa lista de louca surtada vamos pro medo mais “leve”, que não chega a ser um medo, medo mesmo, mas que merece ser citado. Eu não gosto de água, seja mar, piscina, rio, cachoeira ou o que quer que seja, então nunca aprendi a nadar direito, pura falta de interesse. Aí prefiro nem arriscar porque vai que dá errado e eu morro afogada, não é mesmo?

Página 4 de 111 ...12345678... 11Próximo