Top 5: Quer acertar no meu presente? Então me dê… (42/52)

Em 07.08.2015   Arquivado em Memes e Tags

Essa é a quadragésima segunda semana do Desafio 52 Semanas de Top 5 e o tema da vez é: Quer acertar no meu presente? Então me dê…

Goldilocks and the Baby Bear
A alegria de ganhar comida de presente: quem nunca??

01: Filmes de animação da Disney

Todo mundo sabe, e quem não sabe fica sabendo agora, que eu sou alucinada, doida, maluca e apaixonada pelo universo Disney, principalmente os filmes de animação. Eu tinha vários em VHS quando criança, alguns que infelizmente se perderam na mudança pra Belo Horizonte, e desde que comecei a ganhar meu próprio dinheiro a coleção em DVD (e agora alguns poucos em Blu-ray) nasceu. Um dia, lá no futuro distante, terei todos, mas por enquanto a gente se contenta com o máximo que puder!!

02: Mini coisas para bonecas

Aliás, bonecas e mini coisas que não são de bonecas, mas que servem pra bonecas, também entram facilmente e lindamente nessa lista, claro, lógico, como não? Inclusive meu auto-presente de aniversário esse ano foi um box de re-ment porque aquilo ali é o mini-mundo ideal!!

03: Alguma temporada de E.R.

Eu estou tentando (lentamente, muuuito lentamente) completar minha *coleção* de temporadas de E.R. porque é minha série favorita e faço questão de ter todas um dia. Minha ordem tá meio louca, mas tudo tem um motivo, tenho 1, 2, 3, 7, 8 e 11, hahaha, e dessas metade ganhei de presente, olha que lindeza!

04: Alguma coisa que realmente combina comigo

Esse tópico é meio estranho, mas eu acho tão, tão, tão legal quando uma pessoa me dá um presente ou vejo alguma outra recebendo algo que foi REALMENTE pensado na pessoa em questão, isso não tem preço! Às vezes é uma coisinha boba, às vezes uma coisona enorme, às vezes até uma embalagem diferente característica, mas quando é dada “pra pessoa certa” o presente fica até mais gostoso.

05: Algo da minha wishlist

Ela fica no meu perfil aqui do blog, nesse link aqui, ó, e tenho vários amigos e parentes que são adeptos a ela!! É uma facilidade sem tamanho, né, gente, vamos combinar!

badge_post_01

Top 5: As coisas mais difíceis num relacionamento amoroso são: (41/52)

Em 03.08.2015   Arquivado em Memes e Tags

Esse era pra ser o post de amanhã e o de hoje era em vídeo, mas o YouTube está fazendo o favor de atrasar tudo e não carregar o vídeo em questão, logo teremos uma pequena inversão por aqui, ok? Ok!

Essa é a quadragésima primeira semana do Desafio 52 Semanas de Top 5 e o tema da vez é: As coisas mais difíceis num relacionamento amoroso são:
Eu pensei seriamente em simplesmente pular esse post do desafio porque me sinto um pouco desconfortável escrevendo sobre isso já que, para mim, não existem regras nesse assunto, cada casal é único e cada pessoa mais ainda. Pensei, refleti, pensei de novo e resolvi colocar aqui uma mistura entre as coisas que eu acho mais difíceis (as duas primeiras, para ser mais sincera) e as que vejo que as pessoas ao meu redor têm mais dificuldade em lidar, mas (in?)felizmente não é uma fórmula, né, todo mundo sabe disso perfeitamente!

A very happy christmas [5/5]

01: O antes e o começo

Conheço muita gente que adora essa parte da conquista, do flerte, do friozinho na barriga de algo novo que está no ar, pessoas que se divertem horrores e depois que isso passa morrem de saudades. Eu sou o contrário.
Minha “borboletas no estômago” na verdade são dores frequentes que não acabam, eu preciso medir cada palavra que vou falar e tomar coragem para fazer convites ou um simples elogio, meu Deus, só não é mais torturante do que esperar a resposta. Descobri que sou ótima para dar conselhos amorosos e péssima para aplicá-los na minha vida, a maior “covardona relacionamental” do mundo, hahahaha!!!!!
Mas tô melhorando, gente, juro que tô, me dá mais um tempinho…

02: Tempo

Alguns dizem que “tempo é a gente é quem faz”, mas lá no fundo isso não é verdade. Claro que a gente vai arrumando um tempinho aqui e outro ali, aproveita ao máximo o que dá, a gente se vira, mas nem sempre é possível porque a vida é sempre uma correria. Normal, gente, absolutamente normal, agora tenta explicar isso pra saudade que vai crescendo com o passar dos dias.

03: Equilíbrio entre ceder ou não

Um relacionamento amoroso é feito entre duas pessoas, então obviamente vão existir conflitos de interesse. Nem que sejam pequenininhos, nem que sejam raros: eles vão existir! E eu acho que não existem regras nesse caso, não que um dos dois tem que ceder sempre ou então bater os pés para tudo, o ideal é achar um balanço: às vezes você abre mão do que quer, às vezes o outro abre, às vezes são os dois e tem aquelas vezes em que nenhum faz isso. Só é preciso saber quando, onde, por que, como, qual…

04: Lidar com as influências externas

Gente que quer que dê certo, gente que quer que dê errado, gente que só quer dar pitaco mesmo sem “saber de nada, inocente”: sempre existirão pessoas para interferir na sua história com conselhos e opiniões, tanto pro bem quanto pro mal. Em alguns momentos essas interferências são justamente o que você precisa, mas em outros – ou melhor dizendo, na maioria deles – é preciso saber filtrar bem o que os outros dizem. Mesmo porque se a pessoa está com você é porque gosta de quem você é, não de quem esperam que você seja!

05: Respeito, em diversos sentidos

Eu acho a franqueza extrema algo um pouco super valorizado, considero que em alguns momentos é necessário abandoná-la um pouco para lidar com uma ou outra situação, mas existe muita diferença entre isso e ser desonesto. E tem diferença também entre ser honesto e falar tudo o que pensa.
Se você está com aquela pessoa, mesmo quando não quer mais estar ou algo assim, você deve a ela respeito, como deve a qualquer outro, independente do que ela pode ter feito de errado (a menos, é claro, que seja uma situação extrema, mas aí não é uma questão de respeito e sim de amor próprio). É preciso ser sincero com quem você ama e principalmente com que te ama.
Agora se você detesta profundamente a mãe do seu namorado, por exemplo, deixe para reclamar disso com sua melhor amiga que nunca vai contar pra ninguém, não para ele. Poxa, é aquela questão do equilíbrio novamente, você tem que ter o minimo de consideração com o outro, não é mesmo?
“Respeitar o próximo” pode ter vários significados, mas num relacionamento amoroso tem que ter todos!

badge_post_01

Top 5: Meus “cheiros” preferidos são: (40/52)

Em 28.04.2015   Arquivado em Memes e Tags

Essa é a quadragésima semana do Desafio 52 Semanas de Top 5 e o tema da vez é: Meus “cheiros” preferidos são:

Pure Seduction VS
A primeira sacolinha da Victoria’s Secret a gente nunca esquece (foto ruim de 2008)…

01: Pure Seduction, da Victoria’s Secret

Minha fragrância favorita, amo TUDO dela: body splash, hidratante, sabonete… Posso viver até o fim da vida sem trocar “meu cheiro” e nunca compro perfumes porque os que acabo ganhando eu vou usando, mas sempre volto pro Pure Seduction. Sabe aquele dia que você não pensa em que perfume/creme/etc vai usar e usa um padrão? Esse é o meu padrão!

02: Pakita saindo do PetShop

A Pakita é poodle, mas um dia quando era bebê alguém a chamou de vira lata e ela acreditou: é muito porquinha e bagunceira, gente, de poodle só tem a cara (e olha que nem a cara é tão assim)! Sendo assim ela está sempre avacalhadinha, pisando sem olhar onde e quando ela vai ao pet shop é sempre um baque porque vem aquele bichinho fofo, limpo e cheiroso, então é muito bom de abraçar!
(Mas eu abraço ela sujinha também, claro!)

03: Esmalte

Todas as vezes que vou pintar minhas unhas a parte mais difícil para mim é evitar de cheirar os esmaltes porque eu acho super bom e tá ali, acessível, então dá vontade de não parar mais. Louca, eu sei, mas…

04: Chuva quase chegando

Quando o tempo começa a fechar e você sente a chuva no ar o primeiro sinal é aquele cheirinho característico e eu AMO porque adoro chuva, e nesse crise hídrica tô gostando cada vez mais.

05: Plástico

Mas peraê que não é qualquer plástico não, vou explicar… Sabe aquelas capas para caderno já prontas que a gente comprava e era só colocar, não precisava ficar encapando? Então, eu AMO o cheiro daquilo. E se você entrar em qualquer loja que vende plástico e outros tecidos “exóticos” no metro é esse o cheiro que a loja vai ter. Muito bom.
E amo também o cheirinho de boneca nova, claro, mas é mais psicológico do que qualquer outra coisa, hahahaha!

Top 5: Minhas melhores qualidades: (39/52)

Em 15.03.2015   Arquivado em Memes e Tags

Essa é a trigésima nona semana do Desafio 52 Semanas de Top 5 e o tema da vez é: Minhas melhores qualidades:
Que tema difícil, socorro, o post dos defeitos foi muito mais fácil!

#ChooseKind
Repetindo essa imagem porque esse preceito é uma das minhas qualidades, felizmente!

01: Gosto de ajudar as pessoas

Eu fui adiantada na escola, então pra ir pra primeira série tive que fazer teste de maturidade para ver se poderia entrar porque era uma escola estadual concorridíssima lá em Timóteo. Fui super bem nos testes e tals, mas as professoras colocaram uma observação pros meus pais: se um colega estava com dificuldade eu largava meu próprio trabalho para ajudar.
Algumas pessoas já julgaram isso mal, mas eu gosto, sempre gostei… Inclusive foi por oferecer ajuda gratuita assim – porque dá pra sacar quando é buscando algo em troca – que acabei virando staff do Potter Club BH e hoje sou tipo… vice presidente, ou que título tenha!

02: Consigo tratar bem pessoas das quais não gosto

Uns chamam de falsidade, eu chamo de educação. Se eu não gosto da pessoa não vou chamá-la de amiga nem agir como se fôssemos super próximos, mas também não deixo ela perceber e tento sempre tratar como alguém que gosto ou que sou indiferente.
Só quando gosto MUITO é que dá pra diferenciar, sempre!

03: Fico de boa com situações que incomodam aos outros

DRs comigo são e sempre serão raras a menos que outras pessoas comecem com elas porque eu não costumo me importar com as coisas que costumam incomodar as pessoas no dia a dia em qualquer tipo de relacionamento. Mas agora que pensei bem isso pode ser um defeito também, porque posso acabar fazendo essas coisas com as pessoas sem perceber que são uma coisa ruim e elas podem se chatear com isso…

04: Sou romântica!

Sério. Muito. E também sou chorona, então manifestações de amorzinho me fazem rir sem disfarçar e de amorzão me fazem abrir o berreiro de tão emocionada que fico!

05: Eu sou feliz, alegre e sorridente!

Mesmo de mau humorzinho eu acabo escolhendo ser gentil, sempre! E é meio coisa de maluca, sério, mas eu vivo dando risada e chego em momentos extremos de ser louca dançante que nem o Hilakkuma alegre do vídeo (sério, as vezes eu me pergunto se a pessoa dentro daquela roupa não sou eu mesma e não me lembro e alguns amigos meus têm certeza).

Eu fui desabafar as dificuldades de escrever esse post com a Lili e ela me disse “Você é uma boa amiga, boa conselheira, ao contrário do que pensa é inteligente (…) É prestativa, excelente companhia” e eu desatei a chorar no meio do trabalho com tamanha lindeza. Oooowm, obrigada, Lili! Vou deixar isso aqui eternamente para quando eu tiver “jururinha”.

Top 5: Desculpe, mas eu acho brega: (38/52)

Em 11.02.2015   Arquivado em Memes e Tags

Essa é a trigésima oitava semana do Desafio 52 Semanas de Top 5 e o tema da vez é: Desculpe, mas eu acho brega:
Bom, como vocês viram pelo título essa lista já começa com o pedido oficial de desculpas pelas verdades que irei despejar por aqui. Sei que não é bonito nem legal julgar as pessoas pelo que elas são, vestem, fazem ou gostam, mas TODOS NÓS FAZEMOS ISSO e chegou minha hora de colocar pra fora, eu querendo ou não, hahaha!!

01: Óculos de grau sem grau

Para esse primeiro item, porém, não irei pedir desculpas porque pra mim não existe nada mais ridículo nessa vida do que a pessoa usar óculos quando não precisa. Nem pra tirar foto. Nem por um dia pra ser “nerd”. Nem pra nada. Óculos não é um acessório, gente: óculos é remédio! Claro que ter óculos bonitos torna a coisa mais legal e divertida, mas para quem PRECISA, não para quem quer precisar.
“Fácil pra você falar, Luly, você usa óculos e pode escolher a armação legal que quiser.” (Porque sim, eu já ouvi essa.)
E vocês acham sinceramente e do fundo do coração que eu GOSTO DISSO? Não, não gosto. A verdade é que não conseguir enxergar é (adivinha!) uma droga completa, isso sim. Não tem ne-nhum ponto positivo nisso. Ao longo dos anos eu me acostumei com o fato de que vou ter que usar óculos até o fim da vida independente do fazer cirurgia (que é meu sonho, mas não vai curar tudo de verdade) ou usar lente (que eu detesto e nem tenho) fui criando na minha cabecinha pontos positivos que não existem, mas no fundo não é legal. E fingir ter um problema que não se tem é menos legal ainda, pra não dizer idiota.

02: Sneaker

Isso eu acho brega mesmo. Tênis pra mim é uma coisa que foi criada pra ser confortável, aí vem alguém que sabe-se Deus o que tinha na cabeça e enfia um salto interno no negócio. Cadê sentido?
Claro que não tem problema nenhum em se usar um tênis “estiloso”, mas a partir do momento em que a coisa perde sua real função (vide: tópico acima) eu passo a não entender muito bem.

03: Calça saruel

Ai, foi mal, gente, acho aquela coisa feia por demais, não consigo achar agradável em situação nenhuma!

04: Casaco de pele

Veja bem… Se você mora no norte do Canadá e mata um urso com o objetivo de não morrer congelado (ou espera o urso morrer, não sei como funciona), eu tô de boa. Criar boizinhos pra comer depois e aproveitar o couro numa bota? Eu como e gosto de carne, não vou ser hipócrita e criticar a criação de animais pra abate.
Mas pra mim existe uma diferença enorme entre os dois casos acima e o fato de que alguém mete uma pancada na cabeça de trinta chinchilas por causa de um único casaco caríssimo quando nem passando frio de verdade você tá. Não é pela diferença de ser bonitinho nem nada, é pela morte gratuita mesmo.
Então com o tempo comecei a achar casaco de pele não só uma maldade, mas brega também. Não consigo ver como algo bonito, nem elegante, nem charmoso e nem nada positivo, fim da história!

05: Nomes que são a junção dos nomes dos pais (ou parentes)

E se tiver alguém aqui que se encaixa nessa categoria minhas mais sinceras desculpas – mais uma vez – porque é algo que não gosto mesmo. Se fosse assim eu me chamaria coisas como Joaléria, Boscaria ou outras possibilidades ainda piores, então gosto muito mais de Luciana mesmo. Existem uns que ficam até bonitos, mas no geral tá fadado ao fracasso e ao ódio eterno da criança pelos pais.

Semana 38/52
Essa sou eu (com cara de sono) usando meus novos óculos de grau sem lentes… AINDA! Esse mês vou ao oftalmologista – que tô precisando – e aí serão óculos de verdade, não um pedaço de plástico bonitinho, porém inútil! (foto ruinzinha do Instagram)

Página 3 de 111234567... 11Próximo