Heavy Metal

Em 21.07.2008   Arquivado em Música

Tinha dias que eu tava querendo escrever esse post, mais um da série “Lulynha também é cultura”. Então, com vocês…

…. O Heavy Metal:

“O heavy metal é um gênero musical que nasceu com base no blues e no rock inglês do final dos anos 60. A partir do Heavy Metal que é um gênero do rock, surgiram outros sub-gêneros (thrash metal, black metal, Alternative metal etc.). O metal se caracteriza pelos riffs marcantes, predominância sonora de guitarras sob o efeito de pedais de distorção, pela amplificação e pelos solos longos e virtuosos.

Sonoramente o heavy metal se caracteriza por riffs pesados, bateria marcada por tons graves, secos e retumbantes, vocais característicos diversos que vão do agudo, agudo melódico, aveludado, rasgado ao grave gutural, e solos de guitarra complexos. As músicas se alternam das mais diversas formas com levadas rápidas, lentas, cadenciadas, ininterruptas, com pausas, sem pausas, com “cavalgadas”, com palhetadas precisas e power chords. O heavy metal é um dos vários subgêneros surgidos a partir do rock and roll. Além dos marcantes riffs de guitarra apresenta como marca a escalas pentatônicas, muito utilizada por bandas como Led Zeppelin, Deep Purple, Black Sabbath. O heavy metal se diferencia de outros gêneros onde se utilizam largamente guitarras distorcidas pela repetição dos riffs e pelo fato da guitarra carregar grande importância na melodia da música, enquanto que em outros gêneros (como punk rock) a guitarra é um instrumento que apenas acompanha a melodia e serve para dar textura à música.

As letras do heavy metal utilizam-se de uma diversa gama de temas que vão de protestos contra elementos repressores da sociedade, ocultismo, satanismo, depressão, tristeza, solidão, raiva, medo, o lado obscuro do ser humano, o bom humor, a alegria, a injustiça, musicalização de contos, poemas, a história de civilizações, momentos ou heróis da humanidade, trabalhos conceituais, o humor, a fuga da realidade, a psicodelia, as experiências com drogas, referências mitológicas e em alguns casos protesto contra religiões opressoras. Há que se notar que apesar do forte estigma carregado de alguns temas obscuros também existem muitas bandas de heavy metal que falam bem de religião, vestindo a camisa do cristianismo ou falando sobre o fim de conflitos pelo mundo. Existem também muitas bandas que simplesmente se abstêm de falar mal de religiões, não tomando partido dessas discussões. É importante notar que existe toda uma visão estereotipada sobre as pessoas que escutam heavy metal. (nota da Luly: essa é a principal questão, o motivo desse post existir) Uma visão estereotipada de que todas as pessoas que escutam esse sub-gênero do Rock estariam/estão eventualmente ligadas ao ocultismo, satanismo ou rituais pagãos, o que não é verdade. Olhando estatisticamente facilmente se observa que existe sim esse tipo de corrente dentro do heavy metal, mas que ele não é a maioria, e que muitas bandas que nada tem haver com esse tipo de corrente são associadas a este pensamento na visão popular, muitas vezes por falta de informação a respeito deste sub-gênero. Encontram-se ainda letras sobre o louvor ao próprio heavy metal e ao rock, como forma de transmissão de paixão pela música.”

Retirado da Wikipédia – acesso em 19/07/2008

Eu tenho total ciência que a grande maioria de pessoas que visitam esse blog não curtem o heavy metal. E eu entendo, porque a menos de três anos eu ABOMINAVA esse estilo… No meu caso, admito, era preconceito. Quero deixar bem claro que não to tentando converter ninguém pro lado “negro” da música, hehehe.
Não é o meu primeiro post onde eu falo disso também, mas é que ultimamente eu ainda meio… “metaleirinha”, acho que é uma palavra pra definir: eu tenho ouvido bastante, mais do que nunca. Mas o mais legal da história é que eu adoro, mas não sou metaleira… Não mesmo!! Quem entra aqui nota de cara!!
Mas era só isso que eu queria ter falado… Queria contar um pouco da história do (provável) estilo musical mais polêmico de todos os tempos…
… e aproveitando o embalo dar uma dica para aqueles que gostam de um dos maiores ícones do heavy metal, o Iron Maiden. Existe um grupo-cover chamado The Iron Maidens e é formado só de MULHERES!! É incrível… Teve um vídeo que realmente me chamou atenção, elas cantando The Trooper (que eu adoooro), vale muuuito a pena assitir!!

E dou créditos totais ao Gugui que fez o favor de me indicar os vídeos e eu fiquei assitindos todos que via pela frente, achei o site oficial delas e ainda contei pra ele tudo que tava descobrindo por lá!! Aliás, esse post não existiria se, no início de 2006, ele não tivesse me apresentado o metal através do Angra que é, até hoje, uma das minhas bandas favoritas.
Guguinho, meu amor… Obrigada (mais uma vez) por isso e por todo o resto!!

Aé… por último quero lembrar que dia 17 o Expresso Rosa fez 4 aninhos e eu troquei layout, etc, etc, portanto passem lá!! Beijão!!
Luv Ya, bye!! =*

Ouvindo: The Trooper – The Iron Maidens’ version

– Comentários