Categoria "Memes e Tags"

Tag: Meus 7 Posts

Em 22.11.2016   Arquivado em Memes e Tags

Eu não tava muito na vibe pra tags esses dias, li várias legais em vários blogs e nenhuma me “apetecia”, mas quando vi essa no De Cara com a Juh (post aqui!) e vivi o clássico momento de pensar o que responder enquanto lia as respostas dela achei muito delícia então ‘bora cavucar nesses 12 anos de blog com quase mil posts! (In fact praticamente todos são desse ano mesmo, mas foi minha melhor época produzindo pra cá, gente, fazer o que?)

tag13pergpessoais

01) O post mais bonito: Definitivamente foi o “A história que nunca irei escrever”! Na verdade quando ele nasceu eu sequer pretendia publicá-lo (claramente, pelo título), mas uns poucos meses se passaram e decidi que amava ele demais pra guardar só pra mim… Acho que é por isso que ficou tão bom, foi despretensioso, quase nem era pra existir, então escrevi tudo o que vinha na cabeça sem censura. Deu certo!

02) O post mais popular: Direto do ano de 2009 e recebendo visitas diárias desde então, temos o querido “Preto Azulado – 2.1 Luminous”! Essa foi a MELHOR TINTA DE CABELO QUE JÁ USEI NA VIDA e acho que nem existe mais, mas tanta gente lê o danado que dei uma atualizada outro dia pra ficar melhor e mais informativo!

03) O post que gerou mais discussão/controvérsia: Não tem como falar de feminismo nas internets sem gerar alguma discussão, né? Confesso que aqui no blog contar “Quando eu me descobri feminista…” teve um resultado até mais positivo que eu esperava (“a-woman”!), mas na página do vídeo no YouTube tive que deletar comentário de “machorão” que veio com 50 merdas nas mãos! Eu até aceito crítica e tals, mas quando a ofensa é exagerada não sou obrigada, né?

04) O post que ajudou/ajuda muita gente: Não foi MUITA GENTE, não, mas ajudou pessoas importantes pra mim e é sobre algo que fiz que foi muito “auto-ajuda” também, então citarei o “Uma cintura que mostrou várias coisas…”, que inclusive foi ao ar coincidentemente num dia meio triste pras mulheres no processo político pelo qual nosso país passou esse ano, então fez ainda mais sentido!

05) O post no qual o sucesso te surpreendeu: O último “Lookbook: Miss Daisy”! Acho que ele até merece o sucesso porque eu gostei de tudo ali, mas ainda assim não pensei que a resposta seria tão positiva desde a criação do mesmo, quando tirei uma das fotos de mim mesma que mais gostei na vida, até os comentários lindos que vocês deixaram, fez com que eu me sentisse super bem comigo mesma fisicamente!

06) O post que não recebeu a atenção que deveria: É injusto falar isso do coitadinho porque ele só tem alguns dias de vida, mas meu post sobre manifestações (vulgo “O heroico brado retumbante”) me deixou muito orgulhosa porque falei o que queria sobre um assunto que muitos evitam, mas não deveriam: política, mesmo que indiretamente. Eu tomei muito cuidado com ele, revisei bastante, procurei “leitor beta” e tudo o que era necessário pra ter certeza de que não ia falar nenhuma besteira, então por mim roubava o lugar do mais lido rápido assim, hahaha!

07) O post que você tem mais orgulho: Para não repetir a respostas #01 vou falar de outro que amo, “5 lições para aprender com meu filme favorito”, que fiz como uma homenagem ao 20º aniversário de “O Corcunda de Notre Dame”, da Disney. Nele eu dei uma problematizadinha em alguns fatores que fui percebendo ao longo da história e ficou bem legal, modéstia à parte vale a pena ler!

Vou indicar 7 bonitas pra responder agora porque deu vontade… Poly, Renatinha, Clay, Bela, Beca, Grazi e Kimby!

Vídeo-Tag: Halloween

Em 31.10.2016   Arquivado em Memes e Tags, Vídeos

A primeira festa de Halloween que fui na vida foi aos 12 anos, na minha casa mesmo. Minha mãe dava aula de inglês e a turma infantil dela, que tinha crianças entre 6 e 8 anos principalmente, ficou MUITO empolgada com a ideia, então colocamos em prática. Eu, já muito alucinadinha por Harry Potter mas numa época em que a gente ainda não se vestia como os personagens, fui de bruxa, toda empolgada com a ocasião… Afinal de contas eu sentia que estava comemorando “meu dia” e tals, em alto estilo com a criançada se divertindo horrores. Queria tanto ter achado as fotos pra mostrar pra vocês, foi muito bacana mesmo, rolou até decoração temática e tudo mais…

Até hoje eu adoro essa data, então quando vi no canal da Karol Pinheiro a Tag Halloween TIVE que vir dar um “Hello, hello” respondendo ela também! São 13 perguntinhas, um número altamente apropriado, e no final juro que fiquei pensando COMO É POSSÍVEL uma pessoa ser corajosa o suficiente pra dormir em casas mal assombradas e ir a cemitérios a noite, mas morrer de medo de filminho de terror (morro mesmo, socorro)! Além disso amei o resultado final da edição, então valeu mais a pena ainda.

Perguntas:
01. O que você não gostaria de encontrar a noite numa floresta?
02. Qual seu monstro ou vilão favorito?
03. Qual foi a coisa mais assustadora que aconteceu com você quando estava sozinha?
04. Se te desafiarem a dormir numa casa mal assombrada, você toparia?
05. Você é supersticiosa?
06. Você acredita em universos paralelos?
07. Você se assusta facilmente?
08. Você iria a um cemitério a noite?
09. Você prefere ir a uma festa de Halloween vestida de monstro ou com uma fantasia bonitinha?
10. Em um filme de terror você é a que morre primeiro, a sobrevivente ou a assassina?
11. Com quantos anos assistiu seu primeiro filme de terror?
12. Qual foi a primeira fantasia de Halloween que você usou na vida?
13. Se pudesse ter um animal de estimação de Halloween, qual seria? (Um gato preto? Uma coruja? Um morcego? Um lobo?)

E vocês, comemoraram o dia das bruxas esse ano? Com que fantasia? Eu não pude fazer o repeteco da minha Branca de Neve Dark do ano passado, mas tem o look AQUI e a foto maravilhosa que minha irmã tirou aí em baixo:

Snow White

Vídeo-Tag: Tempos de Escola

Em 12.10.2016   Arquivado em Memes e Tags, Vídeos

Fui indicada pela Lívia, do BeLivs, a responder à tag Tempos de Escola (post dela aqui!) e acho que se eu fosse fazer isso num post escrito ficaria realmente MUITO longo porque falar sobre esse assunto é sempre muito complicado pra mim, então gravei um vídeo. Eu fiquei 14 anos na escola, dos 2 aos 17 (faço aniversário depois do meio do ano), e na maior parte do tempo foi tudo MUITO bom. Fiz a pré-escola em um lugar, depois a primeira fase do ensino fundamental (na época de primeira a quarta série) em outro e a 5ª e 6ª num terceiro. Foi aí que mudei para Belo Horizonte e aqui vim fazer a 7ª e 8ª onde meu tio estudou, mas por causa de vários problemas saí no meio do ano para um dos melhores colégios católicos da cidade na época, e aí que foi infernal. Fiquei lá três anos, mais da metade da 8ª série e os dois primeiros anos do Ensino Médio, mas isso foi o suficiente para me marcar de forma TÃO negativa que quando penso em escola, só penso nisso. Por fim, no terceiro ano, mudei novamente e a vida voltou a ser maravilhosa pois fui para um lugar maravilhoso onde o ensino era mais fraco, mas as pessoas incrivelmente melhores. No fim aquele ano de vestibular acabou entrando pra história como um dos melhores que já vivi e fizeram com que eu me transformasse de uma menina tímida que quase não falava com ninguém nessa pessoa completamente tagarela que vocês vêem aqui hoje.

Então pras pessoas que insistem que “hoje em dia tudo é bullying” e “na nossa época não tinha nada disso”, fica aqui meu aviso pessoal de que NÃO É FRESCURA NEM MIMIMI! Eu consigo quase ignorar 11 anos de alegria, boas notas e experiências divertidas graças a isso! Por muito tempo evitei usar essa palavra, achava que era um exagero da minha parte, mas foi só colocar essa história pra fora e ver as pessoas se indignando com ela ao longo dos tempos que percebi que eu tinha que parar de fingir que tava tudo bem, porque não tava. E, sinceramente? Lá no fundo eu acho que nunca vai estar, teve hora que eu tive que parar a gravação pra secar umas lagriminhas…

Perguntas:
01. Quem era você na escola, como você era? E como era sua escola?
02. Qual era a sua tribo?
03. No recreio, onde era mais fácil te encontrar?
04. Já namorou ou ficou com alguém da escola? Foi dentro ou fora da escola?
05. Já fez alguma coisa escondida ou contra as regras? Já cabulou aula?
06. Se lembra de alguma modinha que você seguiu?
07. Qual foi o melhor e o pior dia?
08. Se envolveu em algum tipo de briga ou movimento/protesto?
09. Sua escola tinha alguma lenda, tipo loira do banheiro? Você tinha algum medo na escola?
10. Sofreu ou causou bullying em alguém?
11. Como era a sua performance em apresentações da escola? Curtia?
12. Do que você mais lembra desse tempo? Quais as coisas que mais te trazem lembranças?
13. Teve algum professor(a) ou funcionário que te marcou?
14. Se você pudesse voltar no tempo, o que diria pra você mesma naquela época?

The Versatile Blogger Award

Em 17.08.2016   Arquivado em Memes e Tags

A Bela resolveu me salvar hoje e me indicou para a tag The Versatile Blog Award, que é uma dessas que a gente acaba conhecendo um pouquinho mais da pessoa que tá escrevendo, o que eu simplesmente adoro! Obrigada, Bela!

Regrinhas:
. Agradeça o blogueiro que te indicou;
. Inclua nesse post um link de volta para o blog que te indicou;
. Nomeie 15 blogueiros que você gosta de acompanhar, ou que você siga regularmente;
. Avise os blogueiros que foram indicados;
. Compartilhe 10 fatos sobre si mesmo;
. Adicione a imagem do prêmio The Versatile Blogger Award.

Indicados: Clumsy Luv . Poly Pop . Luva de Pelica . Bluebell Bee . Being Hellz . Não Me Venha Com Desculpas . Sai da Minha Lente . BeLivs . Dreams . Japona . A Surpreendente Beleza de Tudo . Corverina . Leviosa . Retipatia . FerPanda

10 fatos sobre mim:

versatilebloggeraward

01. Eu tenho fases de acreditar ou não nas coisas, nunca tenho muita certeza das minhas crenças, tanto que recentemente passei a falar que não tenho religião. Isso vale também para coisas exotéricas, como horóscopo (apesar de eu ser uma descrição de canceriana ambulante), para vida após a morte e até universos paralelos.

02. Acho que isso ficou bem claro no item anterior, mas ainda assim: eu sou a pessoa mais sensível que existe na face do planeta Terra! Sério, se tem uma palavra que NUNCA podem usar para me classificar é “insensível” porque eu choro atoa, até com bilhete de bom dia e abraços, passo mal quando tem algo muito forte pra acontecer… Confesso que queria ser um pouquinho menos, viu, é difícil ser uma manteiga humana, às vezes.

03. Tenho hipermetropia e astigmatismo fortíssimos, e meu o médico disse que tem grande chances de ter ceratocone também, ou seja, nunca enxerguei sem óculos, mas agora sou oficialmente proibida de ficar sem eles!

04. Não existe “decisão fácil” na minha vida. Eu planejo e repenso tudo, e muitas vezes tremo loucamente na hora da agir, mesmo nas coisas mais simples, até escrever um e-mail tem que ser algo pensado pra mim. Já me arrependi muito das coisas que não fiz por causa disso, então essa é a parte de mim na qual mais estou trabalhando atualmente (tem funcionado).

05. Eu demorei muito para decidir o que eu queria fazer da vida, e assim que descobri não ficou mais fácil porque não é algo simples de se conseguir. Mas tudo bem, tô tentando!

06. Eu ODIEI essa nova função do Instagram que veio pra plagiar o SnapChat, achei a maior atitude de criança mimada que não sabe lidar com o fato de que não pode ter tudo o que quer já tomada pelo Facebook. Além disso achei inferior porque 01) não tem os filtros lindos, 02) o meu é bem ruim, trava e nunca consigo assistir nada e (o principal) 03) o pessoal migrou a função mas não migrou a zoeira, todo mundo foi pra lá mais “gourmetizado”. A única coisa legal é escrever em neon, mas fico sem numa boa! (BTW meu Insta é sweetluly90 e Snap sweetluly, me sigam e me passem o de vocês!)

07. Eu não sei ficar sem meu blog e acho que continuarei escrevendo aqui para todo sempre, quando ele passou 2 semanas fora do ar mês passado eu fiquei toda desnorteada sem saber o que fazer.

08. Minha cor favorita é rosa desde que eu nasci e nunca deixou de ser, mas depois de passar por uma fase levemente metaleira no final da adolescência eu passei a gostar MUITO de preto também, tanto que são as cores do blog (o preto acaba sendo substituído pelo cinza pra não ficar muito pesado).

09. Muitas vezes eu prefiro assistir novamente um filme que vi mil vezes do que um inédito. Mesmo no cinema, nem sei contar o número de vezes que já paguei pra ver meus favoritos quando rolou a oportunidade!

10. Recentemente, após pesquisar bastante sobre o assunto, passei a me questionar se minha ansiedade é algo “normal”, como sempre achei, porém muito forte, ou uma coisa que deveria me causar preocupação e me fazer buscar tratamento, porém branda. Ainda não descobri, mas tenho achado que tende mais pra segunda…

BEDA2016

Tag Literária: Escritores

Em 10.08.2016   Arquivado em Memes e Tags

A Poly me indicou essa Tag que, segundo ela mesma, veio pra me salvar em algum momento de agosto com isso de postar todo dia e eu é que não vou reclamar porque ela está certíssima! Essa é rapidinha, são cinco perguntinhas sobre autores!

Tag Literária Autores

01. O escritor que te iniciou no mundo da leitura: Eu não gostava de ler nada que não fossem revistinhas da Turma da Mônica até o dia que li J.K. Rowling pela primeira vez na vida em “Harry Potter e a Pedra Filosofal’. Depois daquilo aprendi a amar livros tanto, mas tanto, que passei um bom tempo tendo isso como hobby principal e hoje até os escrevo (que era algo que eu já amava de fazer antes de gostar de ler, diga-se de passagem).

02. Um escritor que te ganhou de volta e um que te perdeu para sempre: Eu era apaixonada pelo Pedro Bandeira na adolescência e depois de ler livros novos dele já adulta eu meio perdi o encanto, mas parei pra analisar as coisas pela ótica de que ele atende uma faixa etária específica e pra esse público é MUITO BACANA! E um que me perdeu no primeiro livro foi a Stephanie Meyer, sério, não dá!

03. Um escritor brasileiro e um estrangeiro: Eu gosto MUITO de Machado de Assis, mesmo que as histórias dele sejam “arcaicas” perto do que tenho gostado ultimamente mas, né, não dá pra julgar o ontem com os olhos de hoje, continuo gostando mesmo assim. Já de gringo vou escolher Jane Austen que é uma linda com suas duplas de irmãs. E adicionando uma nova categoria de “estrangeiro, porém de língua portuguesa”: Luís de Camões, meu poeta favorito!

04. Um escritor “zona de conforto”: Aquele ser humano maravilhoso que atende pelo nome de R.J. Palacio. Ela está dentro da zona de conforto pra mim até fora das páginas, as ideias e ações dessa mulher me dão vontade de ser exatamente igual quando crescer!

05. Um escritor que você traria de volta dos mortos: Com certeza J.R.R. Tolkien! Eu acho a escrita dele bem “chata”, pra falar verdade, mas não tem como negar que o homem era genial! As histórias são incríveis, ele reinventou a jornada do herói e resgatou toda uma mitologia sem a qual acho que não teríamos o cenário da literatura fantástica que temos hoje. Tenho muita dificuldade para terminar os livros dele, mas gosto de todos!

Indicadas: Renatinha e , que também tão enfrentando o BEDA, Mari, que tá mega empolgada com o blog e Beca, que devia voltar com o dela!

BEDA2016

Página 1 de 2412345... 24Próximo