Categoria "Leitura"

Rapidinhas de Janeiro

Em 04.02.2014   Arquivado em Cotidiano, Leitura

Hoje as “Rapidinhas” vão ser bem rápidas mesmo porque não tenho tanto assim para falar sobre janeiro… O legal desse mês foi que ele passou arrastado pra mim, demorou horrorosamente e achei bom porque ano passado passou tudo muito rápido e não vi nada, aí gostei disso de ver alguma coisa se entendendo por alguns dias… No geral o mês todos se resumiu em duas dessas coisas que vou contar aí em baixo, então mesmo sendo “parado e longo” foi produtivo, gostei de como o ano começou pra mim.

Rapidinhas de Janeiro

O principal pra mim de tudo o que aconteceu foi ter li os quatro livros já lançados da série “Os Heróis do Olimpo” – na foto aparecem só três deles porque o último tá emprestado. No fim do ano passado eu li, apaixonei e me tornei mais uma grande fã de Percy Jackson e Os Olimpianos, então já esperava amar também essa série que é uma “continuação” da anterior. Ah nem, o trem virou vício, gente! Tô enrolando pra ler novos livros porque ainda não consegui superar que ficarei sem meus heróis até outubro e que quando o último livro chegar vai ter acabado…
Eu pensei em escrever sobre cada livro aqui no blog, mas meu problema é que não consigo reter os spoilers quando é algo que gosto e ficaria ruim pra quem não leu, mas você podem ver minhas opiniões nos históricos de leitura que fiz no Skoob, tem um linkzinho pra cada um deles: O Herói Perdido, O Filho de Netuno, A Marca de Atena e A Casa de Hades.

Rapidinhas de Janeiro

Eu ganhei mais um presente de natal esse mês e foi um presente lindo demais: marcadores do blog!! Agora eu tenho um pacotão de marcadores com a carinha fofa da Kim para distribuir pra tooodo mundo que quiser, e é o que tô fazendo! Tô tão apaixonada que abandonei minha tradição de marcar os livros com “seu” marcador – ou algum parecido que tiver – e só uso essa coisa tchutchuca pra tudo. Obrigada, Gil!!

Rapidinhas de Janeiro

E no meu post de coisas que eu queria fazer esse ano falei que tinha que começar a fazer cadernos artesanais e não é que tô cumprindo? Na verdade nos últimos dias a produção deu uma parada por causa de um acidentezinho que envolveu meu dedo e as portas do carro (dá pra imaginar, né? Não quebrou por milagre, até ganhei o apelido de “Lulu Dedos de Aço” depois dessa!), mas esse aí da foto foram dois dos três primeiros e nenhum deles ficou bom, como dá pra ver, mas nem que eu tenha que desmontar e remontar tudo mil vezes vão sair lindos, tenho até dia 15 para ter vários prontos pro Anime Festival!

Rapidinhas de Janeiro

Falando em Anime Festival… No fim do mês foi aniversário da linda da Mari e passei o dia com ela lá na Cia do Ponto gravando um vídeo lindinho sobre a história da loja, como eles acabaram participando de eventos e já atrás de informações sobre as novidades para esse AF que vai acontecer fim de semana que vem. O bate papo foi longo e o vídeo já editado tá com 25 minutos – socorro – mas ficou bem legal, vai ao ar semana que vem!

Desafio Hunger Games

Em 15.11.2013   Arquivado em Leitura, Memes e Tags

FINALMENTE O DIA DE HOJE CHEGOU, OBRIGADA, SENHOR!! Achei que novembro nunca ia chegar porque estou ansiosíssima para a estréia de “Em Chamas”, filme baseado no livro de mesmo nome e o segundo da trilogia de “Jogos Vorazes” – que no cinema será uma quadrilogia! Dos três esse é o meu livro favorito e já tô com o ingresso pra ver na estréia hoje, aí conto aqui o que achei.
Já fazem alguns meses que esse post está prontinho com esse desafio que eu roubei do blog da Lili, mas eu estava esperando a oportunidade ideal para postar e ela finalmente chegou… São questões rápidas sobre toda a série bem gostosas de responder, na minha opinião só faltou perguntar de qual Distrito você viria (que, no meu caso, é o Distrito 3). Espero que quem leu goste, se identifique com algumas respostas e responda também. E que quem não leu fique doidinho para ler porque não precisa nem de muito tempo pra isso: quando você começa não consegue mais parar e termina rapidão! Vamos lá…
Ah, só uma coisa: spoilers não serão sinalizados, então pra quem tá na metade da série (isso existe? alguém demora mais de uma semana para ler os três? alguém consegue essa proeza?): CUIDADO!

Seu personagem favorito (Your favorite character):
Annie e Peeta, não sei qual dos dois
Seu personagem menos querido (Your least favorite character):
“Presidenta” Coin
Um personagem que você odeia que todo mundo ama (A character you hate that everyone loves):
Prim
Um personagem que você ama que todo mundo odeia (A character you love that everyone hates):
Presidente Snow
Sua cena favorita de briga/batalha (Your favorite fight/battle scene):
Katniss tentando arrancar os olhos do Haymitch o final de “Em Chamas”.
Uma cena que te faz rir (A scene that made you laugh):
Peeta e Katniss citando o que Effie disse sobre carvão virar pérola.
Uma cena que te faz chorar (A scene that made you cry):
Mortes no geral, mas em especial a do Finnick.
Um personagem com quem você mais se parece (The character you are most like):
Delly Cartwright (perguntei pra minha irmã e ela nem pensou pra responder, já foi dizendo a Delly de cara!!)
Sua citação favorita (Your favorite quote):

“Necessito é do dente-de-leão na primavera. Do amarelo vívido que significa renascimento em vez de destruição. Da promessa de que a vida pode prosseguir, independentemente do quão insuportáveis foram as nossas perdas. Que ela pode voltar a ser boa.”

– A Esperança
Peeta ou Gale (Peeta or Gale):
Peeta, né?
Uma coisa que você odeia na série (Something you hate about the series):
A sensação que não sai mais de mim desde que terminei “A Esperança” de que a humanidade não presta. E a narração em primeira pessoa do presente.
Um personagem que você queria que não morresse (A character you wish hadn’t died):
Finnick, por causa do bebê principalmente e também porque né? Um cara bonzudo todo pronto pra ser cheio de si cujo único amor é uma mulher completamente louca é algo de se amar.
Um personagem que você queria que morresse (A character you wish had died):
Gale não me faria falta nenhuma.
Seu tributo favorito (sem contar Peeta/Katniss) [Your favorite tribute (aside from Peeta/Katniss)]:
Annie. Gosto bastante do Beetee também!
Seu tributo menos querido (sem contar Peeta/Katniss) [Your least favorite tribute (aside from Peeta/Katniss)]:
Enobaria
Uma questão que você queria que tivesse sido respondida nos livros (A question you wish had been answered in the book):
Como os rastreadores saem de dentro deles, ou se são desativados ou o que…
A pior morte (The worst death):
Mags, porque você se simpatiza de leve pela velhinha, normal, mas aí quando ela morre percebe que ama aquela diaba! E Finnick por motivos de… De Finnick mesmo!
Uma música que te lembra a série (A song that reminds you of the series):
Alicia Keys – “Girl on Fire”
Seu casal favorito (Your favorite pairing):
Finnick e Annie.
Seu casal menos querido (Your least favorite pairing):
Katniss e Gale.
Um casal que você não entende (A pairing you don’t get):
Os pais do Peeta.
Seu livro favorito dos três (Your favorite book of the three):
Em Chamas, amo aquela arena.
Seu personagem secundário favorito (Your favorite secondary character):
O que é considerado “secondary”? Se for qualquer pessoa que não Katniss/Peeta/Gale então Annie. Se for realmente aquele personagem sem real relevância então Delly.
O personagem secundário que você menos gosta (Your least favorite secondary character):
Plutarch Heavensbee
Seu intérprete dos sonhos (Your dream cast):
Agora já não tem muito o que fazer porque as pessoas já foram sendo escolhidas, então ao invés de mudar o elenco eu vou trocar Joanna por Enobaria, não é ideal mas já me contento com isso.
Sua cena favorita em Jogos Vorazes (Your favorite scene in The Hunger Games):
O beijo da Katniss e do Peeta. O de verdade, que ela não quer que acabe.
Sua cena favorita em Em Chamas (Your favorite scene in Catching Fire):
Finnick chamando pela Annie ao ouvir a voz dela vinda dos pássaros.
Sua cena favorita em A Esperança (Your favorite scene in Mockingjay):
Katniss pedindo pro Peeta ficar com ela na frente do imbecil sensacionalista Gale (aka “Always”).
Sua coisa favorita na série inteira (Your favorite thing about the entire series):
A maneira como você não consegue parar de ler aquilo!!
Um livro/série que você recomenda para os fãs (A book/series that you would rec to fellow fans):
A trilogia “Divergente”. Li os dois primeiros e estou louca para o terceiro sair logo, é ÓTIMA!

Mockingjay
Blusa Hunger Games da Cia do Ponto via Instagram

Cartas ao Harry Potter

Em 29.10.2013   Arquivado em Harry Potter, Leitura

Cartas ao Harry Potter Cartas ao Harry Potter – Crianças do mundo todo escrevem ao bruxo
Autor: Bill Adler
Gênero: Infanto-Juvenil
Ano: 2007
Número de páginas: 190p.
Editora: Novo Conceito
Sinopse: Em uma coletânea muito especial de cartas de crianças de todo o mundo, fãs do muitíssimo popular Harry Potter compartilham com seu herói e mago seus segredos, sonhos, preocupações e fantasias. Para esses jovens leitores, os livros de Harry Potter tornaram-se senhas e portas de entrada para um mundo de magia e de aventuras extraordinárias. Porém, conforme as cartas e entrevistas neste livro encantador mostram, foi no próprio Harry Potter que as crianças descobriram a magia ainda mais incrível — a amizade.
Crianças do mundo inteiro escreveram as cartas. Em Cartas ao Harry Potter há jovens fãs de Potter dos Estados Unidos, Inglaterra, Filipinas, África do Sul, Singapura, Austrália, Estônia, Holanda — de todos os continentes. Para a edição brasileira, também foram incluídas cartas de leitores do Brasil.”
Comentários: Entre todos os livros relacionados a Harry Potter que eu tenho e já li esse foi meu favorito disparado, sem comparação. É um livro lindo, emocionante, acho que mesmo que não é tão fã da saga deve se emocionar com as cartas que tem no livro.
Basicamente é uma coletânea de cartas escritas por crianças e adolescentes e destinadas ao próprio Harry (não à J.K. Rowling, como eu imaginei por um tempo). O livro começa com algumas cartas de crianças mais velhas, algumas já com seus 15 anos, e nitidamente são pessoas que sabem que estão escrevendo para um personagem fictício, a maioria delas com uma entrevista feita pelo autor com a criança em questão e é bem legal ver o que eles achavam que ia acontecer nessa época, uma vez que as cartas foram enviadas antes do lançamento da “Ordem da Fênix”… Algumas chegam BEM PERTO nos seus palpites! Dessas as que mais me emocionavam eram as que eles desejavam boa sorte ao Harry, dava pra ver que era com uma sinceridade absurda que só fãs da saga conseguem ter.
Aí depois começam as cartas de crianças que são de chorar MESMO. Alguns que a professora estava lendo o livro pra turma, outros bem pequenininhos torcendo para receber uma resposta, querendo ter uma prova de que o Harry é real. É lindo ver como as crianças contam da vida delas pro Harry, abrem o coração (achei triste demais um garotinho que conta pra mãe perdeu o bebê!), compartilham suas expectativas e principalmente: dão dicas de como ele pode sobreviver ao final da série, mandam feitiços e poções que eles mesmos inventaram. Nossa, essas eram de longe minhas favoritas!
No final tem umas cartas de brasileiros que foram adicionadas depois e elas são mais recentes, mas bem legais também, principalmente por estarem mais perto da nossa realidade (ainda mais eu que era novinha quando li também)… Estou apaixonada por todo o livro, recomendo para todo mundo que gosta de Harry Potter e quer ficar sensibilizado com essas coisas maravilhosas que são os fãs dele!

Encontros com a Leitura

Em 29.08.2013   Arquivado em Leitura

Recebi um e-mail da Biblioteca Pública com uma programação mega legal para setembro com o tema “Brasil e Portugal: Diálogos Literários”. Vão ter palestras todas as segundas feiras, sempre começando às 17h, e exposição mês inteiro, do dia 02 ao dia 30. Estou pensando seriamente em fazer minha inscrição, porque gostei do assunto e adoro esse tipo de programa. Aí em baixo tem a programação completa (é só clicar na imagem para abri-la em seu tamanho original e ler melhor) e as incrições devem ser feitas pelo e-mail mineiriana.sub@cultura.mg.gov.br. A entrada é gratuita, eles vão sortear brindes e no final emitir certificado!
A Biblioteca Pública Estadual Luiz de Bessa fica na Praça da Liberdade, 21, Funcionários (Belo Horizonte – MG). Contato: (31) 3269-1209.

Ah, antes da imagem, um “ps”. SEMPRE que posto divulgações assim que recebo via e-mail da Biblioteca ou de museus alguém comenta “poxa, na minha cidade não tem isso”, “finalmente tem alguma coisa em BH” ou algo assim. Gente, eu faço cadastro nos sites dessas instituições sempre que entro em algum desde que entrei na faculdade, então estou sempre recebendo esses e-mails, compartilhando e, as vezes, divulgando aqui no blog. Sugiro que vocês façam o mesmo com as instituições que existem na cidade de vocês – ou perto, pro caso de cidades muito pequenas – , garanto que vocês vão se surpreender com os programas legais que estão perdendo, geralmente bem baratos ou até de graça! Fica a dica!

EncontrosLeitura

2ª Turnê Intrínseca em Belo Horizonte

Em 06.07.2013   Arquivado em Leitura

Falei que não ia falar sobre isso mas tô falando… Mas é porque, ao contrário da primeira, a 2ª Turnê Instrínseca veio em Belo Horizonte no fim de junho (foi a penúltima cidade que eles foram) e foi linda, mas antes de contar como foi eu preciso explicar do que se trata pra quem não sabe…
A Editora Intrínseca é relativamente nova no mercado e não conta com uma equipe muito grande, o que significa umas 30 pessoas, de acordo com o que nos foi informado. O que significa que eles publicam poucos livros, mas parece que tudo que tocam vira sucesso (ou já é sucesso e eles trazem o sucesso pra cá). Pra quem não sabe é essa editora que publicou a saga “Crepúsculo”, da Stephanie Meyer, e sua nova “versão apimentada” na trilogia “50 Tons de Cinza”, da E. L. James que são, na minha opinião, duas sagas ruins, porém que movimentam o amor de várias mulheres e muuuito dinheiro com a venda de livros e mais livros, porque são mais do que bestsellers: são verdadeiras sensações internacionais. E pra quem é igual a mim e não gosta dessas que citei vamos pra parte incrível da editora, porque eles são respnsáveis por trazer pro público brasileiro autores como Andrew Lane, Cressida Cowell, Elizabeth Eulberg, Lauren Oliver, Markus Zusak, Rick Riordan e o queridíssimo John Green, que são autores que você pode não conhcer de nome, mas COM CERTEZA vai achar um livro que já leu ou quer ler e já foi escrito por alguns deles.
E por causa desse grande sucesso que a editora faz, principalmente com o público jovem, que eles decidiram começar a fazer turnês anuais pelas capitais do país e apresentar a esse público quem eles são, o que já fizeram e principalmente o que está por vir. É um meio deles ficarem próximos ao leitor, de rolar uma troca direta de informações e gostos, porque por mais que você faça uma comunidade no Facebook onde os leitores podem postar coisas não é a mesma coisa do que estar ali, frente-a-frente, mostrar um trailer e uma foto na hora se rolar o interesse, poder ir num cantinho com a moça ver se suas teorias tão certas depois do evento, muito demais!!

2ª Turnê Instrínseca

2ª Turnê Instrínseca

O evento aconteceu na Leitura do Pátio Savassi no domingo, dia 23 de junho à tarde. A fila se formou assim que a livraria abriu e o evento começou bem pontualmente, o que eu particularmente acho ótimo (parabéns, pessoal da Instrínseca!). Tava relativamente vazio comparado com outras cidades, por volta de umas 100 pessoas, mas foi ótimo mesmo assim. A turnê começa com a apresentação dos brindes e depois segue uma linha do tempo bem bacana: apresentação da Editora, mostra dos próximos lançamentos (relacionando alguns aos lançamentos antigos), sorteios e, no final, se alguém quiser adicionar alguma coisa seja ela em público ou em particular com o pessoal da Editora pode. Não é realmente muito longo, dura por volta de 2 horas, mas você sai de lá querendo ler absolutamente TUDO!! Gente, quanta história triste, eu adoro livros que me fazem chorar absurdamente porque sou muito chorona e já fico emocionada com qualquer besteirinha, então quando leio drama ou algo assim acho ótimo porque é quando tô chorando “junto com as pessoas nornais”, hahahaha. Entre os livros que eles apresentaram o que mais me intrigou foi “Extraordinário”, que é a história de um menino com um problema genético que torna seu rosto deformado. Ai, chorei no booktrailer, gente, muito triste e bonito e compreensível ao mesmo tempo! Tirando o álbum que eles sortearam (que te presenteava com VÁRIOS livros) era o que eu gostaria de ter ganhado nos sorteios. No final eu nem fui sorteada, mas todo mundo que vai á turnê ganha a sacolinha do amor deles pra ninguém ficar de mão abanando. Minhas fotos foram tiradas do celular (ou seja: ficaram uma meleca), mas olha que graça o que nós trouxemos pra casa:

2ª Turnê Instrínseca

– Ecobag/bookbag,
– Kit de marcadores de página,
– Passaporte da turnê com todas as informações,
– Pin,
– 3 bottons,
– Lápis da Editora.
Muito bacana, né? Digo, TUDO muito bacana. Adorei a iniciativa deles, eu já gostava da editora e agora estou apaixonada, tá virando minha favorita. Foi uma tarde rápida daquelas que vale a pena e que venha a Turnê do ano que vem!!

Página 5 de 121 ...123456789... 12Próximo