Posts de May de 2011

Top 5: Músicas românticas mais lindas de todos os tempos!!

Em 27.05.2011   Arquivado em Música

Nem preciso falar, porque é só ler o blog um pouquinho, mas música é pra mim muito mais que “simplesmente música”. Eu não toco nada, eu não canto, mas adoro estudar sobre música, sobre minhas bandas, sobre minhas músicas. Aí em “parceria” com a Daninha resolvi montar um Top 5 das músicas românticas mais lindas de todos os tempos. Parceria porque montamos a lista juntas, e por esse motivo não farei as menções honrosas nesse post: passamos a discordar logo a partir da 6ª, hahaha. Então separem os lencinhos e vamos lá!

5º LUGAR – You Make Me Feel Brand New – Simply Red


“God bless you, you make me feel brand new, for God blessed me with you”

Eu preciso dizer que sei que a maioria acha essa música brega até a morte, e preciso dizer também que SEI que ela não é do Simply Red. Mas mesmo assim ela é LINDA demais. E eu tenho toda uma história com ela, porque em 2004 tocava na novela “Celebridade” e foi a música-tema da minha vida no início do que, na época, parecia um romancinho adolescente… Eu não sabia o que ainda está por vir, hahaha!

4º LUGAR – Can’t Help Falling In Love (With You) – Elvis Presley


“Take my hand, take my whole life too, for I can’t help falling in love with you”

Elvis não é o “Rei do Rock” atoa, né minha gente… Eu me encantei por essa música pela 1ª vez quando assisti a um DVD do Andrea Bottelli na minha prova de Cor do 3º período da faculdade e quando cheguei em casa corri pra ouvi-la um bilhão de vezes. Todo mundo da sala riu porque chorei assistindo, mas é que é de chorar, não tem como. Escolhi esse vídeo pra representa-la, mesmo com a música cortada, porque o Elvis tá lindo demais nele, confesso!

3º LUGAR – Something – The Beatles


“Somewhere in her smile she knows that I don’t need no other lover…”

Minha favorito do caçulinha do “Fab Four”, tanto com os Beatles quanto em carreira solo. Tenho que dizer que se eu fosse a Pattie não trocaria ele nem por um milhão de Erics Claptons!! George era fofo e ela inspirou essa que é a segunda música mais regravada não só da banda, mas de todos os tempos (atrás apenas de Yesterday). Na verdade ela era danada, inspirou várias músicas lindas entre um marido e outro. Tá aí no clipe pra todo mundo, incrível de bonito, pra quem não conhece a Pattie ver o quanto ela era linda demais… E no “Across The Universe” essa cena tão linda que dá até angústia. Jude, te amo, fala com sotaque inglês no meu ouvido!

2º LUGAR – My Love – Paul McCartney


“It’s understood, it’s everywhere with my love and my love does it good”

E o primeiro que falar que sir James Paul McCartney não amava a Linda apanha. Olha isso, gente, presta atenção NISSO. Como assim, uma música pode ser assim?? É absolutamente perfeita. Vai tocar no dia do meu casamento, ainda não sei em que momento da cerimônia, mas vai. Quero “Chandler & Monica Feelings” meeeesmo, e amo assistir esse episódio de FRIENDS só pra chorar mais um pouquinho com a situação. Eu ia colocar o vídeo “original”, mas ele cantando em São Paulo foi o que me fez apaixonar pra sempre pela música quando vi na Globo (queria estar lá), e o pessoal gritando “Linda!! Linda!!” na platéia não tem preço.

1º LUGAR – Your Song – Elton John


“I hope you dont mind that I put down in words how wonderful life is while you’re in the world!!”

Não precisa muito, o Elton diz tudo: this is YOUR song. É minha, é sua, é nossa, é de todos. Difícil achar esse vídeo da vozinha dele de falsete antes da cirurgia, mas achei mesmo que em baixa qualidade! É a música mais linda de todos os tempos, foi escrita em 1970 e a mais de 40 anos faz sucesso no mundo todo inspirando qualquer romance possível. Antes de ser fãzona do Elton eu já era fãzona de “Moulin Rouge”, meu filme favorito, por causa dessa música e nem o Ewan McGregor com aquela voz dele consegue estragar. Elton e Bernie, queridos, obrigada por ela e todas as outras! Ter ouvido isso ao vivo, ainda mais sendo dedicada ao Obama, completou meu dia 19 de janeiro de 2009, e foi o momento mais emocionante da minha vida!

Gugui… Esse post é especial pra dizer que tô com saudades!! hihihi

Agora e Sempre

Em 22.05.2011   Arquivado em Filmes

Now and Then Agora e Sempre (Now and Then) *****
Elenco: Christina Ricci, Rosie O’Donnell, Thora Birch, Melanie Griffith, Gaby Hoffmann, Demi Moore, Ashleigh Aston Moore, Rita Wilson, Devon Sawa, Cloris Leachman, Lolita Davidovich, Janeane Garofalo, Bonnie Hunt, Hank Azaria, Rumer Willis, Walter Sparrow, Brendan Fraser
Direção: Lesli Linka Glatter
Gênero: Drama
Duração: 110min
Ano: 1995
Sinopse: “Depois de vinte e cinco anos, quatro amigas de infância que tiveram rumos diferentes na vida se reencontram quando uma delas, Chrissy Williams (Rita Wilson), vai ter um bebê. Uma delas é Roberta Martin (Rosie O’Donnell), sua ginecologista, e as outras que chegam na cidade são Tina Tercyll (Melanie Griffith), que se tornou uma famosa atriz, e Samantha Albertson (Demi Moore), que é uma conhecida escritora. Juntas elas recordam as férias de 1970, quando tinham apenas doze anos e viveram as primeiras emoções do início da adolescência.”
Comentários: Eu sei que soa ridículo eu ficar dando 5 estrelas para todos os filmes que avalio aqui, mas fazer o que?? Se não gosto do filme não tenho vontade de postar e se gosto é pra valer. Não dá pra dar uma nota menor pra esse, simples assim!!
Acho que a palavra ideal para caracteriza-lo é “imprevisível”. Porque pra começar quando vi a capa do filme pensei que se tratava de mães e filhas porque as atrizes que interpretam a versão jovem das quatro protagonistas são A CARA das que interpretam a versão adulta. Mas aí logo de início já mostra que não, que são as mesmas pessoas e tudo ficou bem.
Aí eu passei o tempo todo sem saber qual seria o foco: o suspense, os dramas familiares, os romances… Não sabia se uma das meninas ia virar a protagonista, se ia acontecer um “BAM” pra fazer com que elas se separassem, só realmente quando foi chegando no final que entendi que o sentido do filme era óbvio, tava logo ali: a amizade delas.
O que eu sempre reparo, porque é algo que gosto, é a trilha sonora. E nesse caso além de ser cheia de músicas ótimas, elas não tocam só pra deixar tudo mais bonitinho, fazem parte do filme mesmo, os personagens também escutam e cantam aquelas músicas e isso torna mais legal ainda a presença das mesmas. Pena que o dvd seja difícil de achar… Eu achei em uma única loja a mesma versão do que usei para assistir, com audio e legenda somente em inglês. Mas vale muito a pena, é lindo!!
Teve uma cena, uma única, que achei meio pesada, em que as meninas fumam. Eu não deixaria minha filha adolescente fazendo uma cena assim, mas pelo menos mostrou o quanto algumas ficaram desconfortáveis e a única que gostou cresceu e fumava maços por dia. Mas não se enganem, crianças, fumar não te torna uma Demi Moore da vida…
Melhores Cenas: Essa parte é impossível escrever sem spoiler, mas vamos lá… Eu ADORO a Christina Ricci (percebe-se aqui) e então as cenas principais dela eram minhas favoritas, e as mais lindas de todo o filme são quando a Roberta e o Scott se beijam, é muito fofo e engraçado. E depois ele para de “zuar” as quatro, e ela para de ter vergonha do próprio corpo, muito bonitinho. Aliás depois eu fui “descobrir” que ele fez Gasparzinho junto com ela no mesmo ano, interpretando o Gasparzinho vivo, então muito bem, Devon Sawa, você beijou uma das atrizes mais caras da época duas vezes no mesmo ano.
O final obviamente também é lindo. A cena da casinha da árvore, elas sentadinhas apertadinhas jogando “Verdade ou Desafio”. Amor puro!!
Trailer:

Resultado do Sorteio: Colar de Cerejas Arara Pink

Em 22.05.2011   Arquivado em Blog

– Acho que mais emocionante que o post em que o sorteio “acontece” é o do resultado!!
Foram 16 meninas, então na lista do Google Docs cada uma delas estava listada nas linhas entre 2 e 17 (a linha um é para os “Títulos” de “Nome”, “E-mail”, etc…). Então usando o Random.org/ o resultado foi…

resultadocolarcereja

– Parabéns, Aline!! Depois manda seu endereço por e-mail!! Obrigada a todas que participaram, e obrigada principalmente Arara Pink!! E quem não ganhou passa lá e aproveita pra dar uma olhadinha, porque leitores aqui do Sweet Luly têm 15% de desconto nos acessórios!!

Colar de Cereja Arara Pink

Em 18.05.2011   Arquivado em Blog

– Gente, olha que coisinha mais linda dessa vida que ele é:

Colar cereja

– Se eu pudesse ele seria meu. Mas eu não posso, porque ele vai ser de uma de VOCÊS!! A Arara Pink é minha “parceirona” aqui no blog, já fiz sorteio de camiseta, já divulguei promoções de lá e se você se identificar como leitor aqui do blog ganha 15% de desconto na compra de acessórios. Mas esse colar não precisa, porque para ganha-lo é só…. PREENCHER UM FORMULÁRIO!!
Eu preciso de nome, e-mail e uma REDE SOCIAL: Twitter ou Facebook. Você escolhe: segue a Arara no Twitter ou Curte a página no Facebook. Aí no campo “Twitter/Facebook” digita o seu endereço na respectiva rede para eu poder conferir se você segue/curte mesmo. E o melhor: as chances de ganhar dobram, porque se você fizer os dois pode cadastrar os dois endereços diferentes (mas com e-mails diferentes também, senão não vale).
Boa sorte pra todas. A promoção vai de HOJE, 18 de maio, até DOMINGO, dia 22, meia noite em ponto. A vencedora será comunicada por e-mail e farei um post divulgando.
E mês que vem é aniversário do blog… Pode ser que essa seja só a primeira de outras surpresas @_@

PRAZO ENCERRADO

Arara Pink, muito obrigada por estar sempre aqui no SweetLuly!!

Dois anos depois

Em 15.05.2011   Arquivado em Dolls

– O dia 15 de maio de 2009 transformou o dia 15 de maio num marco de falência na minha pessoa. 15 de maio é o motivo pelo qual minha vida mudou tanto nos últimos dois anos e agora tenho mais amigas, vivo de forma diferente e sou mais feliz (e pobre). Dia quinze de maio de dois mil e nove a Kimberly, minha primeira Pullip, chegou aqui!!

kim_2anos

– Ela ainda é para mim uma das melhores coisas que aconteceu na minha vida (sério) e toda vez que olha pro Kim entendo o motivo de eu levar esse mundo bonequeiro louco a diante. Ela chegou aqui toda tímida, quase uma criancinha meiga que só fazia me encantar. Mas foi só passar um tempinho que as garrinhas de plástico da Kim foram sendo colocadas pra fora e ela virou minha mente-malígna nerdzinha, heavy metal e cheia de vontade de fazer o bem das pessoas que gosta…. E melhor ainda se sacanear alguém que não gosta no meio do caminho!! A Kim tem eternos 16 anos com alma de criança, consegue ter carinha fofa mesmo num visual 100% preto e é amor tão puro concentrado em menos de 30cm de altura que é difícil lembrar como eram as coisas sem ela.
Ela é única e especial. Eu já não existo sem ela e ela não existe sem mim, somos parte uma da outra. Ela é a mini-Luly, eu sou a big-Kim e será sempre assim. Obrigada, Kimberly Ann Expresso Rosa, por ter mudado tanto minha vida, e feliz aniversário!!

Página 1 de 212